Assis: cidade onde é rezado o primeiro ciclo da Novena Internacional

Local é na Região de Úmbria, na Província de Perugia, onde nasceu e viveu São Francisco, o padroeiro da Itália.

DESTAQUE_ESPECIAL_2016_10_31_005Durante os próximos 27 dias, o Superior Provincial dos Redentoristas de Goiás, Pe. Robson de Oliveira, estará na Itália rezando as Novenas Internacionais, apresentando ao Pai Eterno as intenções dos devotos. Enquanto isso, o Programa Pai Eterno exibirá uma série de reportagens especiais sobre os locais escolhidos para as orações. Nesta segunda-feira, 31, o destaque foi para o primeiro ciclo novenário que acontece em Assis, onde nasceu e viveu São Francisco. (Assista ao vídeo abaixo)

Depois de rezar, em 2015, na Terra Santa, Pe. Robson, desta vez, rezará o Santo Terço, a Novena dos Filhos do Pai Eterno e a Novena de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro na Itália. Para ele, rezar em um lugar sagrado, faz reviver toda da história sagrada. “Nos reporta ao mistério do amor de Deus por nós. Relembramos a história de nosso Senhor que deu seus passos nesse ambiente que nós temos orgulho, carinho, amor em poder pisar um dia, e rezar por alguém daquele lugar específico. Por isso, quando rezamos em lugares onde homens de Deus, grandiosos homens de Deus, mulheres de Deus passaram, nós vemos a importância de olharmos como exemplos, janelas que mostram o céu, que eles são. Portanto, o nosso desejo profundo de, vivendo um pouco da história dessas pessoas, conhecendo mais e aprofundando, adentrarmos no mistério que elas querem nos apresentar. Essas histórias, essas pessoas santas. Podemos assim, também, inspirar a nossa vida nesse amor, que alcançou santidade, graça diante de Deus, e reconhecida diante dos homens”, ressaltou Pe. Robson de Oliveira.

DESTAQUE_ESPECIAL_2016_10_31_004O primeiro ciclo novenário acontece em Assis, palco de uma das histórias mais conhecidas do tempo cristão: a de São Francisco de Assis. A cidade fica na região da Umbria, na província de Perugia, na Itália. Entre as montanhas da região estão grutas, capelas, igrejas e Basílicas que marcam todo o itinerário de fé deste santo da Igreja e representam a espiritualidade de São Francisco.

“Ele é um exemplo de vida para qualquer ser humano, mas tinha uma vida muito mundana. Então, alguma coisa aconteceu e mudou a história de vida dele. Alguma coisa fez a vida dele dar uma guinada, de modo que quando ele voltou de uma dessas expedições, ele começou um caminho novo. Ficou recluso, mudou o modo de se comportar com a família, com as pessoas e viveu uma vida totalmente diversa, começou a ter amor a coisas menores, simples, e começou enxergar aquilo que ele não enxergava. Então, a vida dele começou um caminho. Mesmo que os pais, as pessoas não entendessem, ele sabia o que estava fazendo”, contou Pe. Robson.

Veja também:

DESTAQUE_ESPECIAL_2016_10_31_001A Basílica de São Francisco de Assis é a primeira, no mundo, dedicada a este santo, o patrono da Itália. Divida em Basílica Inferior e Superior é de lá que o Pe. Robson vai rezar o primeiro ciclo novenário da Novena dos Filhos do Pai Eterno, com os devotos de todo o Brasil. A Igreja guarda os restos mortais de São Francisco. Freis Franciscanos de várias nacionalidades acolhem peregrinos do mundo inteiro que visitam anualmente o Santuário.

Já o primeiro ciclo novenário da Novena de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro será rezado na Basílica de Santa Maria dos Anjos. Desde 1679, a igreja é dedicada a Nossa Senhora da Assunção e foi onde São Francisco compreendeu sua missão e vocação, e onde passou os últimos momentos de sua vida, morrendo em 1226.

DESTAQUE_ESPECIAL_2016_10_31_003A Basílica foi construída sobre a capelinha da Porciúncula, que segundo a tradição era onde São Francisco passava maior tempo em oração, a igrejinha que ele mais gostava em toda a região. “As pessoas vem para rezar para estar com o senhor, para pedir a São Francisco uma graça ou mesmo para simplesmente dizer ‘Obrigada, por essas coisas’, portanto vocês estão em um lugar vivo. É muito importante, o Santuário não é um museu, não é uma casa de passagem, mas é uma casa de todos, onde vocês podem se sentir verdadeiramente acolhidos”, relatou Ir. Emanuele Gelmi, irmão franciscano.

DESTAQUE_ESPECIAL_2016_10_31_002Do alto de Assis da para ver toda a cidade. E é na Igreja de Santa Clara que os devotos contemplarão junto com o Pe. Robson de Oliveira, os mistérios do Santo Terço. Santa Clara foi amiga de São Francisco de Assis, o ajudou em sua missão e os dois juntos fundaram a ordem das Irmãs Clarissas. Serão dias para fortalecer ainda mais a fé no Divino Pai Eterno, tomando como exemplo a vida de São Francisco e suplicando sua intercessão.

“Tudo é do Pai, para o Pai e veio do Pai. Por isso, rezar a Novena dos Filhos do Pai Eterno, do Perpétuo Socorro e o Santo Terço, rezar pelas intenções das pessoas que nos mandam nesses lugares sagrados, benditos. Vamos nos colocar diante do Senhor, um pouco mais próximos, de forma mais intensa, como se fosse uma campanha de fé”, concluiu Pe. Robson de Oliveira.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store