Feliz Dia Internacional da Mulher!

  08 de março de 2018 • 09h44 • Atualizado em 12/03/2018 • 11h25

Hoje, 8 de março, é o Dia Internacional da Mulher e o Programa Pai Eterno exibiu uma reportagem especial para homenagear todas as mulheres. Como exemplos, Rosilei Elias Ataídes e sua filha, Giovana Elias Ataídes foram destaque como devotas do Pai Eterno e mulheres dedicadas às atividades da Igreja. (Assista ao vídeo abaixo)

“Ser mulher já é um presente de Deus. Ainda mais ser uma mulher como eu, apaixonada na vida e na minha família. Eu agradeço a Deus por ter me permitido nascer como mulher, ter a família que tenho e a mãe que me fez essa mulher que eu sou hoje”, afirmou Rosilei.

Veja também:

Católica de berço, Rosieli lembrou o que mais marcou na educação e criação que recebeu da mãe. “Eu sempre falo que só sabemos o valor de uma mãe a partir do momento que a gente se torna mãe. A minha me ensinou o caráter, a humildade e a ter perseverança em tudo que queremos. Ela ensinou que a humildade nos leva a qualquer lugar do mundo, onde você quiser. É uma coisa que ninguém pode te roubar”, comentou.

Ao lembrar da infância, ela contou que cresceu e viveu sempre por perto da Igreja Matriz de Campinas. “Eu sempre tive o habito de ir à missa, de participar das coisas que a Igreja permitia. Nas novenas e comecei a pegar gosto pela igreja. Cresci vendo os padres e ministros servindo. Eu tinha vontade de ser algum deles um dia, e o tempo foi me preparando, principalmente, espiritualmente para eu saber que para servir não adiantaria só o corpo, e sim, o meu espírito, preparado para servir a Igreja, acolher as pessoas que vão em busca de qualquer coisa dentro da Igreja”, ressaltou.

Filha de Rosilei, Giovana Elias Ataídes segue o mesmo caminho da mãe dentro da Igreja. “Desde pequena eu auxilio na missa das crianças. Depois de ter feito a Primeira Eucaristia, eu sempre estou auxiliando no que precisa, mas atualmente eu sou mais ativa no Ministério de Arte Semear, no qual eu participo da dança. Sou também coordenadora do Sementinha, que é um projeto de participação das crianças. O meu foco, meu objetivo de chegar na vida é alcançar aquilo que eu tanto quero, ser futuramente uma mãe, e ser igual a minha mãe, passar tudo que ela me ensinou para os meus filhos, pois, como ela, eu acho que não existe uma mãe igual. Ela é o exemplo de Nossa Senhora  na minha vida. Ela tudo, minha base, inspiração. Não tenho outras palavras para descrever a minha mãe”, afirmou a estudante.

Ser mulher e representar todas as outras é uma honra para Rosilei.  “Represento com muito orgulho. Acho que o Divino Pai Eterno me escolheu para estar aqui representando. Tenho certeza que muitas vão mudar seu jeito de ver, olhar, participar e servir ao Senhor, pois a nossa Igreja é o maior caminho, a maior Casa, que encontramos a paz e a fraternidade”, concluiu.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

 

 

Fonte: Afipe

Veja Também