Notícias

Conheça a história de fé da devota Joana de Souza Alves

Ela afirma que sua devoção ao Divino Pai Eterno sempre lhe deu forças para enfrentar dificuldades da vida.

AFIPE_EM_NOME_DA_VIDA_TXT_24_04_2014“Deito rezando e levanto rezando. Minha fé é muito grande!”, declarou a aposentada Joana de Souza Alves. A história de fé da devota e sua família foi destaque no quadro Em Nome da Vida do Programa Pai Eterno desta quinta-feira, 24. (Assista ao vídeo abaixo)

Fé e confiança que só aumentam a cada dia. Aos 85 anos de idade, ela tem muito o que contar. Os milagres recebidos foram muitos. Um deles aconteceu há cerca de seis meses, quando ela se preparava para fazer hemodiálise e de repente a notícia, não seria mais preciso fazer o tratamento.

“Eu já cheguei no hospital e fui direto para a UTI. O rim parou de funcionar. Aí eles chegaram na minha cama e disseram que tinham suspendido o exame, que não precisava mais fazer, pois o rim tinha voltado a funcionar. Então eu fiquei muito feliz. Foi um milagre!”, relatou.

Além dessa grande graça que Joana contou, a família já recebeu tantas outras. Há cerca de quatro anos, Joana venceu uma suspeita de câncer. Sua filha, Lindalva Luciana Alves, afirma que foi uma graça do Divino Pai Eterno. “O médico olhou os exames, o pedido do encaminhamento. Chegando lá ele perguntou quem tinha mandado a gente ir lá, pois minha mãe não tinha câncer. Eu expliquei pra ele que ela estava na UTI, tinha feito biópisia e tinha dado câncer, nódulo no reto. Ele me disse que não tinha”, relembrou.

Veja também: 

Na família, a devoção é passada de geração em geração. Assim como aprendeu com a mãe, Joana fez questão de criar os sete filhos repassando a fé no Pai. “Todos eles foram criados na Igreja, já com fé no Divino Pai Eterno”, afirmou.

Lindalva é um exemplo dos ensinamentos da mãe. A força e proteção para enfrentar os desafios que a vida traz, ela contou que busca no Divino Pai Eterno, assim como sua mãe ensinou: “Quem busca o Divino Pai Eterno, busca tudo. É lá que encontra paz, encontra o que mais precisa que é a saúde, a alegria e a felicidade”.

Todos os anos a família procura ir à Romaria. Joana já não consegue ficar todos os dias em Trindade, mas não deixa de ir, mesmo que participe por apenas alguns dias. Para ele estar no Santuário Basílica é a certeza de sentir algo especial. “É uma sensação muito boa. É uma fé tão viva, que eu me sinto bem demais”, descreveu.

Lindalva também não perde uma Romaria. “Meu ano não começa em dezembro e sim em julho”, declarou.

Na sua simplicidade, Joana é exemplo de fé e é tão forte, que não se abala diante dos problemas que aparecem pelo caminho. Durante toda a vida uma certeza: a de estar sempre sob a proteção do Divino Pai Eterno.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store