Notícias

Exaltação da Santa Cruz: a expressão máxima do amor de Deus

Pe. Joaquim Cavalcante fala sobre a data celebrada pela Igreja no próximo domingo, 14 de setembro.

DESTAQUE_ENTREVISTA_TXT_08_09_14No próximo domingo, 14, a Igreja celebra a Exaltação da Santa Cruz. O Programa Pai Eterno desta segunda-feira, 8, exibiu entrevista com o Pe. Joaquim Cavalcante. O Missionário Redentorista, que também é professor de Teologia, falou sobre o significado da celebração para os cristãos e citou a cruz como um instrumento que simboliza a entrega e amor de Cristo. (Assista ao vídeo abaixo)

Douglas Branquinho: Padre, qual é o significado da cruz?

Pe. Joaquim Cavalcante: Podemos falar sobre dois elementos importantes: primeiro a cruz compreendida como um instrumento de sofrimento; e na fé cristã, a cruz compreendida como instrumento que refigura a vitória de todos aqueles que configurados à Cristo pelo batismo já são vencedores com Cristo. A cruz não é o lugar do fracasso e não tem a última palavra no sentido do fim de um derrotado. Ela é a expressão máxima do amor infinito de Deus, que em Cristo Jesus, nos amou e nos salvou.

Douglas Braquinho: O senhor disse que a cruz não simboliza derrota, e sim, a entrega de Cristo por nós. Qual é o significado da cruz na fé?

Pe. Joaquim Cavalcante: A cruz nos ensina porque ela é a expressão do amor de Deus. Na cruz, Deus nos amou de uma forma tal, em Cristo Jesus, que não poderia ter outra forma igual, maior prova de amor não há. Ele mesmo nos ensina a dar a vida por aqueles que se ama.

DESTAQUE_ENTREVISTA_CRUZ_TXT_08_09_14

Douglas Branquinho: Então, o que é a Exaltação da Santa Cruz?

Pe. Joaquim Cavalcante: A Festa da Exaltação da Cruz é cantar a nossa vitória em Cristo crucificado e ressuscitado. Dizer para o mundo que a vitória de Cristo passou pela cruz, e que a cruz é esse sinal, que deveria ser visto como um troféu, que simboliza a vitória de Cristo e dos cristãos. Muitos de nós carregamos a cruz no peito, fazemos o sinal da cruz no início da celebração eucarística e em outros tantos momentos da nossa vida, exatamente para expressar a nossa pertença a Cristo crucificado, e ao mesmo tempo, é um sinal que aclama a nossa vitória em Cristo Jesus.

Douglas Braquinho: Também à Santíssima Trindade?

Pe. Joaquim Cavalcante: Sem dúvida, pois Ele é um da Trindade, e toda a Trindade operou no Mistério do Calvário, no Mistério da Cruz. Ele é o enviado do Pai, que na ação do Espírito oferece sua vida pela salvação do mundo e da cada um de nós.

Douglas Branquinho: Qual é a mensagem que o senhor deixa nesta celebração da Santa Cruz para todos os cristãos, filhos e filhas do Divino Pai Eterno?

Pe. Joaquim Cavalcante: Exatamente compreender o amor de Deus a partir de Jesus crucificado e ressuscitado, que na ação do Espírito, Ele, o Pai, nos amou e nos salvou em Cristo Jesus, pelo Mistério da Cruz. O Mistério Pascal de Cristo, podemos assim dizer, a refiguração do amor de Deus que nos salvou pelo Mistério do Calvário.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store