Notícias

De braços abertos para ajudar o próximo

Grata ao Pai Eterno pela sua saúde e vida, a costureira é solidária e se preocupa sempre em ajudar as pessoas.

DESTAQUE_ATITUDE_CRISTA_2015_04_24_001Preocupada com o bem-estar do próximo, a costureira Lourdes Ricardo de Sousa está sempre pronta para ser solidária. Por essa razão, ela foi destaque no quadro Atitude Cristã exibido no Programa Pai Eterno desta sexta-feira, 25. (Assista ao vídeo abaixo)

“A primeira atitude de ajudar as pessoas foi uma criança que eu adotei aos três anos de idade. A mãe dela morava na rua, eu fiquei muito sensibilizada e adotei. Ela mora comigo até hoje, é uma moça”, contou Lourdes Ricardo.

Recentemente, a costureira ficou conhecida no Brasil inteiro por ter praticado o bem. Em fevereiro, um erro de comunicação no aeroporto de São Paulo, acabou trazendo o africano Emmanuel Akomanyi para Goiânia, quando na verdade, o destino final dele era a Guiana Inglesa. Chegando aqui , sem ter onde ficar e sem dinheiro para pagar alguma hospedagem, ele contou com o apoio de Lourdes, que vendo o caso pela televisão, resolveu acolhê-lo na casa dela.

“Eu estava assistindo televisão com o meu sobrinho e nós vimos a reportagem. Aí pensamos em trazê-lo porque ele não tinha dinheiro para pagar hotel e passagem, então ele estava praticamente sem poder tomar nenhuma atitude”, lembrou.

Veja também:

DESTAQUE_ATITUDE_CRISTA_2015_04_24_003Enquanto a situação não se resolvia, Emmanuel foi acomodado em um quarto na casa de Lourdes, onde ficou cerca de dez dias. “Nós tentamos, por meio da imprensa, arrecadar dinheiro para a passagem, e conseguimos. Sobre a alimentação dele aqui, ele comia o que a gente comia”, disse a costureira.

Hoje, Emmanuel está bem. Em fotos, ele aparece já cursando Medicina, o seu motivo de mudança para a Guiana. Um final feliz para uma história, que teve Lourdes Ricardo como uma das personagens principais. “Ele está bem lá, fazendo a faculdade, já está lecionando, porque ele é professor”.

Para ela, ajudar o próximo vai muito além de ser apenas uma boa atitude. Uma forma de estar ainda mais perto do Divino Pai Eterno. “Já tive um câncer, um derrame e um infarto. Então, com essas três doenças muito próximas uma da outra, eu me tornei uma pessoa melhor, então eu vejo a vida diferente, despois de tudo o que aconteceu. Graças ao Pai Eterno eu consegui sobreviver a todos esses problemas e estou ótima. Foi uma bênção, eu tento passar isso para as pessoas”, declarou.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno