Notícias

Juntos na fé, a caminho da casa do Pai

Este é o quinto ano que o grupo de jovens sai de Palmeiras de Goiás e segue até a Capital da Fé de Goiás.

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2015_05_20_001Eles se juntam e organizam cerca de um mês antes do início da Romaria. Toda a preparação é para ir a pé para Trindade (GO). O quadro Em Nome da Vida, exibido no Programa Pai Eterno desta quarta-feira, 20, destacou um grupo de jovens que pela quinta vez se prepara para fazer a caminhada até a Capital da Fé de Goiás. (Assista ao vídeo abaixo)

A bióloga Bruna Acevedo contou como tudo começou: “A gente trabalhava com um grupo de jovens e a fomos reunindo alguns jovens da cidade que frequentavam o grupo e que quisessem ir para Trindade”.

O eletrotécnico Murilo Medeiros Avelar relembrou como foi sua primeira caminhada: “Foi por curiosidade, para saber mais como é o caminho. Depois fui por devoção e agradecimento”.

O grupo é de Palmeiras de Goiás, a 82 km de Goiânia (GO). Amigos que se unem todos os anos pela fé no Divino Pai Eterno. A romaria começa de madrugada e continua durante o dia. Nas fotos, registros de cada passo até a chegada ao Santuário Basílica. “Fazemos a oração antes de sair. Quando chegamos lá, assistimos uma missa em agradecimento”, disse Bruna.

A cada ano uma experiência diferente. Aprendizados pelo caminho e momentos vividos que ficam gravados na memória. “A providência é do Divino Pai Eterno. Passou uma mulher em um carro e nós ficamos cismados. Aí ela ofereceu um lanche para nós. Lanchamos e ela nos contou que pagava a promessa dela ajudando o pessoal que pagava promessa, indo para a pé para Trindade”, lembrou Murilo.

Veja também:

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2015_05_20_003A estudante Kamilla Maria Parreira de Souza também faz parte do grupo. Para ela, a romaria é um momento dedicado ao agradecimento por graças que já foram alcançadas. “Em 2010 meu irmão sofreu um acidente, ele só tinha 20% de chance de vida. No dia de Nossa Senhora ele acordou. Minha mãe todos os dias ia orar na Imagem do Divino Pai Eterno, no hospital, e na hora que ela chegou no quarto, já viu ele sem os equipamentos e perguntou para o médico, que disse que tinha sido um milagre, que ele tinha saído da UTI”, contou.

Há quatro anos o compromisso do grupo de jovens é ir a pé para Trindade na época da Romaria. São horas na estrada até chegar ao Santuário Basílica, uma forma de agradecimento ao Divino Pai Eterno por tantas graças já alcançadas. Para que todo o trajeto deles corra da melhor forma possível, eles contam com o apoio da funcionária pública Célia Maria de Oliveira, a mãe da Bruna. Ela os acompanha em um carro de apoio. “Levo jantar, algumas frutas, suco água, cadeiras, mesas para eles se sentarem, se alimentarem. É o momento que eles têm para descansar um pouquinho para seguir a caminhada”, disse.

Murillo Medeiros contou quais são suas dificuldades na caminhada: “A parte mais difícil que eu acho é do trevo de Trindade até no Santuário. É onde eu já estou bem cansado e ainda tem que subir a escada, mas na hora que estou subindo parece que vai renovando as forças, vai acabando as dores. Chegar lá e agradecer ao Divino Pai Eterno é a melhor coisa que tem”. Kamila completou: “Pretendo continuar essa caminhada até quando eu der conta e minha família também”.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store