Notícias

Paternidade: um dom dado por Deus aos homens

Filhas homenageiam o pai e agradecem pela dedicação, amor e educação que receberam desde pequenas.

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2015_08_05_001Ser pai é um dos maiores dons dados por Deus a um homem. É uma missão que deve ser levada a sério, requer dedicação, amor, paciência e muita responsabilidade. Nesta semana, o quadro Em Nome da Vida, exibido no Programa Pai Eterno, está homenageando os pais, que têm o seu dia celebrado no próximo domingo, 9 de agosto. Na edição desta quarta-feira, 5, o destaque foi para o comerciante Carlos Alberto Lúcio, pai de duas filhas: Thainá Gondim Lúcio e Thaís Gondim Lúcio. (Assista ao vídeo abaixo)

“Ser pai, para mim, é zelo, é cuidado. Assim como o Divino Pai Eterno tem cuidado de nós. A gente só vê esse amor que os nossos pais têm por nós, depois que passamos a ser pai. E quando buscamos os princípios de Deus, não é que não passamos pelas dificuldades, mas temos muito mais sabedoria, mais discernimento para cuidar e passar por essas dificuldades”, afirma Calos Alberto.

A filha Thainá conta que o pai é a base de tudo na casa: “É o provedor, o que sempre trabalhou por nós. Às vezes, minha mãe tinha que ficar em casa com a gente, então, ele que trabalhava e sustentava a casa. Ele é tudo”. Já a filha Thaís se emociona ao falar da importância do pai na sua vida. “Ele é a pessoa que me ensina e me ensinou muito”, declarou.

“Ele é muito amoroso, tem uma paciência quando quer conversar, quer saber como eu e minha irmã estamos, como que estamos lidando com as coisas. É um pouco rígido em questão profissional, quer que a gente cresça, quer ensinar”, completa Thainá.

Ao rever fotos antigas, Thaís lembra que o pai sempre foi muito brincalhão: “Lembro uma vez que viajamos para a praia, ele enterrou a gente na areia, fez uma barriga bem grande. Achávamos o máximo!”.

Veja também:

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2015_08_05_002Sobre os bons costumes e valores, Thainá afirma que o pai é rigoroso: “Ele sempre tentou passar valores, tanto religiosos quanto princípios de honestidade, de trabalho, desde pequenas sempre estivemos juntos no trabalho da família e em casa. Ele sempre ajudou e quis dar exemplos”.

Para Thaís, Carlos Alberto representa o eixo, a força da família. “Ele sempre trabalhou o dia todo, e eu ficava a infância mais em casa com a minha mãe. Apesar dele trabalhar o dia todo, sempre quando ele chegava, fazíamos orações em casa, a noite, a questão de tomar a bênção sempre foi muito importante. É um pai presente, sempre ensinou, e o que me marca muito é a questão da fé e da honestidade, de ser sempre fiel a Deus e verdadeiro com as pessoas. Eu vejo ele na família como uma força puxando a gente, uma âncora, que sustenta, segura e que toma o caminho certo”, conta.

O Programa Pai Eterno vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store