Devoção

Saiba mais sobre as imagens expostas no Santuário Basílica

Cada uma delas tem um sentido especial para estarem em destaque na Casa do Pai.

DESTAQUE_FIQUE_POR_DENTRO_2016_01_13_003Além do Divino Pai Eterno, outras várias imagens ficam expostas no Santuário Basílica de Trindade (GO), como referência para a oração. Cada uma delas tem um sentido especial para estar na Casa do Pai. Esse foi o tema abordado no quadro Fique Por Dentro, exibido no Programa Pai Eterno desta quarta-feira, 13. (Assista ao vídeo abaixo)

Os Ícones fazem parte da simbologia do catolicismo e servem como instrumento de evangelização, principalmente quando a leitura era um privilégio de poucos. Existem algumas imagens espalhadas pelo Santuário, são nove no total.

São Pedro foi o escolhido por Jesus para ser a pedra sob a qual a igreja foi construída. São Paulo não foi um discípulo direto de Jesus, mas se tornou apóstolo dos povos pagãos. São José merece destaque por ter sido esposo de Maria e, depois, eleito patrono da Igreja Católica. Santa Terezinha do Menino Jesus, uma santa moderna, que se tornou muito popular após sua canonização. Um santo muito humilde foi São Geraldo, que lutou bastante para seguir na vida religiosa.

Veja também:

DESTAQUE_FIQUE_POR_DENTRO_2016_01_13_006Outra Imagem interessante é a de Santo Afonso Maria de Ligório. “Como são os redentoristas que, desde 1894, cuidam do Santuário de Trindade, é natural que nós tenhamos, em local de destaque nessa igreja, o nosso santo fundador e protetor”, explicou Pe. Jesus Flores.

O Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro também está em destaque, atrás do presbitério, na Basílica. “Aqui em Goiás, durante muito tempo, a devoção estava centrada em Campinas [Goiânia (GO)], onde é o Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Mas, nos últimos anos, com esse trabalho de propagação do culto ao Pai Eterno, também foi levado o culto à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, de tal modo que deixou de ser apenas uma Imagem aqui na igreja, para ser alguém muito importante em todo o trabalho que o Santuário realiza pelo Brasil inteiro”, ressaltou o Missionário Redentorista.

O Cristo crucificado nos remete à redenção da humanidade. É o símbolo da entrega que Jesus fez por todos. E por fim, a Imagem da Santíssima Trindade coroando a Virgem Maria, que representa a devoção ao Divino Pai Eterno. “É mais do que óbvio esta presença neste local no Santuário. É um culto forte, fundamental, porque é o culto central da Igreja. Jesus rezou sempre ao Pai, Jesus se voltou sempre para o Pai, Ele veio em nome do Pai, Ele falou em nome do Pai, Ele realizou milagres pelo poder do Pai. Ele fez curas e ressuscitou também pelo poder do Pai. Daí então, a centralidade da Imagem representando, de alguma forma, o nosso Deus, o Pai de todos nós”, concluiu Pe. Jesus Flores.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store