Evangelização

Doação de comida e afeto a moradores de rua

Grupo de voluntários se reúne para fazer e entregar marmitas para pessoas carentes.

DESTAQUE_ATITUDE_CRISTA_2016_02_22_003Muitos não têm o que comer, onde morar ou dormir. Todos os dias, os moradores de rua convivem com o descaso do poder público e da sociedade, além da fome. O quadro “Atitude Cristã”, exibido no Programa Pai Eterno desta segunda-feira, 22, mostrou que um grupo de pessoas da Paróquia Nossa Senhora Auxílio dos Cristãos, em Goiânia (GO), se reuniu para levar um pouco de atenção a essas pessoas. (Assista ao vídeo abaixo)

Todas as quintas-feiras eles se reúnem e preparam comida para distribuição ao pessoal que mora na rua. Já são quase dez anos nesse exercício cristão. “Servir ao próximo é um dos objetivos principais do cristão. Então, é uma experiência gratificante para nós, muito mais para nós do que para eles, talvez. Quando nos aproximamos deles, e eles estão em condições muito precárias, devemos nos igualar a eles naquele momento”, ressaltou o coordenador da Pastoral de Rua, José Vicente Silva.

Membros de várias pastorais se unem para ajudar a fazer as marmitas e entregá-las nas noites de quinta-feira. Todos são voluntários. O administrador Lázaro José Flávio afirmou que é gratificante: “É um trabalho que você vê o resultado, as pessoas realmente não têm o que comer. Então, chegando com a marmita lá, eles têm uma alegria imensa de receber esse alimento”.

Para a professora e também membro da Pastoral, Marlene Alves Louzada Flávio, é um momento de troca de afeto. “Além de distribuir a comida, a gente também conversa, pergunta como está, onde está dormindo e também temos uma preocupação de dar carinho, atenção para esses menos favorecidos”, disse.

Veja também:

DESTAQUE_ATITUDE_CRISTA_2016_02_22_004Tudo vem de doações. Aos poucos, o grupo vai aumentando e começa uma força tarefa na preparação das marmitas, mas não dá para sair sem pedir as bênçãos do Pai Eterno por meio de seu filho Jesus no Santíssimo Sacramento.

Em cada parada: abraços, sorrisos e uma boa conversa. Afinal eles já se conhecem há um bom tempo. “Eu viajo muito, chego cansado, mas é gratificante, me dá ânimo”, declarou o representante comercial e membro da Pastoral, Edson José Grossi.

Para muitos deles, esta é a única refeição do dia. É na fila que eles rezam agradecendo pelo alimento. “Que Nossa Senhora e o Divino Pai Eterno nos abençoem neste momento”, disse o morador de rua, Mário Antônio da Silva Ribeiro.

Ana Paula de Souza Fernanda, também moradora de rua, disse que fica feliz com a visita do grupo. “Eu queria agradecer pela comida que vocês trazem pra nós. Obrigada pelo carinho e pela atenção”.

Gratidão é a palavra que define o sentimento dessas pessoas com a equipe da Pastoral de Rua. Um gesto simples que, com certeza, mata a fome e a sede de amor, atenção e carinho de quem mora na rua. Afinal, o pouco se torna muito para quem não tem nada.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno