Devoção

Estrangeiros renovaram a fé durante a Romaria

Nem mesmo a distância geográfica é empecilho para quem quer estar pertinho do Pai Eterno.

Durante esta semana, o Programa Pai Eterno mostrou, no quadro “Em Nome da Vida”, que a devoção ao Divino Pai Eterno não é só do Brasil. Uma fé que ultrapassou fronteiras e chegou aos corações de pessoas que vivem em outros países.

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2016_07_14_002A devoção ao Pai Eterno existe há mais de 170 anos. Começou em Trindade, atingiu o Brasil e, com o tempo, o exterior. Este ano, a Romaria contou com a presença da Lucimar Pedrosa, que veio de Nova Iorque (EUA), especialmente para a Festa em Louvor ao Divino Pai Eterno. “Eu já vim aqui, mas, na Festa, nunca coincidiu. Desta vez, tudo foi providência para eu viesse. E estou encantada, apaixonada e emocionada”, disse ela.

Este ano, a campanha Papa em Trindade, lançada em Janeiro, foi intensificada no período da Romaria. O objetivo foi conseguir o máximo de assinaturas para a vinda do Papa Francisco para abençoar a obra do Novo Santuário. Lucimar deixou sua contribuição: “Eu já assinei há bastante tempo. Eu acho muito importante e tenho certeza de que o Papa virá nos visitar”.

Como recordação, Lucimar levou fotos com a imagem do Papa em tamanho real. Desta vez, a volta para casa será especial.

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_2016_07_14_004Quem também veio dos Estados Unidos para a Romaria foi a Maria de Lourdes Santos. Ela perdeu o esposo, foi tentar uma nova vida e passou por períodos difíceis. Depois que se mudou, ela ficou 16 anos sem voltar ao Brasil. O retorno aconteceu no ano passado, durante a Romaria do Divino Pai Eterno. “Quando eu vim, recebi um convite da minha irmã de fé, Maria Amélia, Ministra da Eucaristia daqui, para trabalhar na obra do Pai Eterno. Em São Francisco (EUA) tem muitos devotos do Pai Eterno. Então, eu vim no ano passado e, este ano, estou aqui novamente para trabalhar e levar as bênçãos do Pai Eterno para a nossa comunidade nos Estados Unidos”, explicou Maria.

Este ano, Maria de Lourdes veio com a missão de ajudar nas celebrações, como Ministra da Eucaristia. Para ela, uma grande bênção. “Eu sou ministra na minha igreja, na Califórnia (EUA) e aqui eu vim para ajudar. É muito gratificante. Não tenho nem palavras. Fico muito emocionada com as bênçãos e a fé dos romeiros. A fé que as pessoas transmitem não tem explicação… Ano passado eu vim e falei pro Pai Eterno que, se fosse a vontade Dele, este ano, eu voltaria novamente”, disse ela.

Os 16 anos morando fora foram árduos, mas Maria não perdeu a fé. Ela conta que recebeu uma grande graça do Pai Eterno: “Depois de muitos anos sem vir ao Brasil, eu consegui o documento que autoriza a livre entrada ao país. É muito bom poder vir e servir ao Pai”.

Quando se quer estar junto ao Pai, não há distância que dificulte. Na Casa do Pai, elas foram acolhidas e sentiram o amor do Pai. “Tudo na minha vida. É o Pai que me dá sabedoria para lidar com as dificuldades do dia a dia”, disse Maria. “A gente volta com a fé renovada”, concluiu Lucimar.

Veja também: 

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno