Catequese

Igreja celebra Conversão de São Paulo Apóstolo

Na próxima quarta-feira, 25, católicos lembram este grande evangelizador.

DESTAQUE_ENTREVISTA_2017_01_23_001A Igreja celebra na próxima quarta-feira, 25, a Conversão de São Paulo. Sobre a celebração e a história deste apóstolo de Jesus, o Programa Pai Eterno desta segunda-feira, 23, exibiu entrevista com o pároco da Paróquia São Paulo Apóstolo, Pe. Márcio do Prado. (Assista ao vídeo abaixo)

Talíta Carvalho: Padre, quem foi São Paulo?

Pe. Márcio do Prado: São Paulo foi um grande evangelizador. Expandiu a Igreja no seu tempo, um tempo em que os apóstolos estavam circunscritos em Jerusalém, ele empreende muitas viagens, visitando lugares, comunidades, cidades, pregando Jesus Cristo com a vida e a Palavra.

Talíta Carvalho: Por que a Igreja dedica um dia para celebrar a conversão deste apóstolo?

Pe. Márcio do Prado: O momento da conversão de São Paulo é um momento muito emblemático na sua vida e na vida da Igreja, um momento em que ele se encontra com o próprio Jesus que o escolhe através da Sua Palavra para ser o seu anunciador.

Talíta Carvalho: Sabemos que São Paulo é um exemplo de conversão. Como podemos trabalhar a conversão no nosso dia a dia?

Pe. Márcio do Prado: A conversão é um trabalho de uma vida inteira. São Paulo tinha plena consciência da sua condição como cristão que era. Passou ao seguimento de Jesus a partir da sua conversão e neste momento ele compreende que deve trabalhar a cada dia o seu viver, o seu agir, todos a sua vida na direção do Senhor. Essa é a conversão que ele nos anuncia e nos inspira para nós cristãos.

Talíta Carvalho: Seguindo os passos de São Paulo, como nós podemos evangelizar outras pessoas e fazer com que elas sigam nos ensinamentos de Jesus?

DESTAQUE_ENTREVISTA_2017_01_23_003

Pe. Márcio do Prado: A viagem mais desafiadora é chegar até o irmão, até aqueles que estão do nosso lado. Essa é a mensagem que São Paulo nos inspira para que nós sejamos também anunciadores junto aos nossos irmãos, junto à comunidade daquilo que Jesus colocou na nossa vida, no nosso coração e na nossa boca.

Talíta Carvalho: Celebrar São Paulo Apóstolo é muito significativo para a Igreja Católica?

Pe. Márcio do Prado: Sim, pois ele é um dos pilares da Igreja. É um sustentáculo da Igreja no seu tempo e ao longo da história da salvação que foi se desenvolvendo nos tempos modernos, nos tempos atuais.

Talíta Carvalho: Qual seria um exemplo que a gente poderia citar que São Paulo Apóstolo deixou?

Pe. Márcio do Prado: Seu maior exemplo é aquele de não ser pesado à comunidade. Ele era também um trabalhador, além de um exime fariseu dedicado à lei de Deus. Sua profissão era fabricante de tendas, para não ser pesado à comunidade, ele trabalhava fabricando tendas para não onerar a comunidade e assim promover um trabalho de evangelização.

Talíta Carvalho: Um trabalho, uma vida e um legado de muita fé, não é mesmo?

Pe. Márcio do Prado: Sim. O homem de muita fé, que confiava plenamente em Jesus, e se conformou a ele, deixando que Jesus chegasse até ele. Esse caminho de mão dupla que deve ser feito por nós.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno