Notícias

Projeto atende comunidade escolar e incentiva hábito de ler

Biblioteca itinerante visita escolas de Goiânia (GO) e desperta nas crianças o interesse pelo universo literário.

Incentivar a leitura é incentivar a cultura e a educação. Esse incentivo entre crianças que não tem acesso aos livros é uma forma de praticar o amor ao próximo. O quadro Atitude Cristã, exibido no Programa Pai Eterno desta segunda-feira, 6, mostrou um projeto que tem dado certo em Goiânia (GO). (Assista ao vídeo abaixo)

Com um caminhão biblioteca, a ideia do Serviço Social do Comércio (Sesc) é poder levar literatura para várias pessoas de uma vez, de forma itinerante. E foi assim que nasceu esse projeto, o Bibliosesc. “Tem a proposta de levar a leitura, os livros para bairros periféricos em Goiânia”, afirmou a bibliotecária Juliana Grazielle Manzan.

Eles fizeram uma parceria com a Prefeitura de Goiânia para atender cinco escolas por semestre, dez no ano. Funciona assim: o caminhão biblioteca vai para a porta da escola e oferece os livros. Quem quiser basta fazer o cadastro fornecendo um documento pessoal e comprovante de endereço. Na outra semana o caminhão volta para a devolução das obras literárias.

De acordo com a coordenadora da Reserva Técnica da Secretaria Municipal de Educação e Esporte, da Capital, Patrícia Vaz, o projeto é recebido pelas escolas de forma muito positiva. “A gente recebe de uma maneira muito positiva, afinal é um parceiro que vem a nos auxiliar a realizar o fomento à leitura. Isso já é feito dentro das unidades educacionais, mas o projeto reforça ainda mais. Temos muitas escolas e inserir os nossos educandos neste contexto literário de uma maneira lúdica, é muito interessante para nós”, pontuou.

No ambiente de conhecimento e cultura estão disponíveis três mil livros. O acervo é aberto à escola, e também à comunidade local. Dos 15 mil empréstimos feitos no ano passado, só 45 exemplares não foram devolvidos. Uma margem mínima que mostra a boa fé das pessoas.

Veja também:

As crianças ficam bem felizes descobrindo um mundo inteiro pelas páginas dos livros. A Maria Eduarda Elias, 7 anos, escolheu seu livro e gostou do título. “Achei interessante”, disse. Já o colega de sala, Cleber Araújo, 7 anos, pegou o livro “O gênio do crime”. “Quando eu for grande, eu vou querer ser policial”, disse.

O João Lucas Ferreira, 7 anos, disse que tem vergonha de falar em público e procurou nos livros da biblioteca uma ajudinha.  “Quando eu chegar e o público perguntar eu vou saber falar melhor”, comentou.

Para a diretora da escola, Mariana Augusta dos Santos, trabalhando juntos, se ajudando, é que se constroem boas ações. “É uma iniciativa muito importante, principalmente porque a comunidade também tem acesso. Então, essa parceria entre escola e comunidade é muito importante para conseguirmos alcançar o nosso objetivo”, concluiu.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno