Devoção

Desfile dos Carreiros: tradição na Romaria do Divino Pai Eterno

Cerca de 400 carros de boi desfilaram durante um dos momentos mais esperados da Festa de Trindade (GO).

O Desfile dos Carreiros, um dos momentos mais esperados da programação da Romaria do Divino Pai Eterno, aconteceu nesta quinta-feira, 29. Com início na Praça da Igreja Matriz, cerca de 400 carros de boi seguiram para o carreiródromo. Romeiros de todo o Brasil lotaram a praça para assistir ao desfile em mais um ano.

Ao passarem pela porta da Igreja Matriz, os carreiros receberam a bênção do Pe. Benedito Moreira. “É bonito de ver o sentimento que move os carreiros, o que eles trazem no coração é muito puro e forte. Sou filho de carreiro, nasci e fui criado no meio da Romaria, por isso, para mim é uma emoção muito grande ver e rever esse desfile”, comentou o padre.

Romeiro desde a infância, João Batista Ribeiro veio de Anápolis (GO) para mais uma Romaria e, como sempre, não perdeu o desfile. “Eu fui batizado aqui na Matriz. A devoção ao Pai Eterno é uma tradição quem vem do meu avô. Somos uma família rural e gostamos muito ver essa bonita Festa em Trindade” afirmou.

Ele trouxe a filha, Adriana Torres, que assistiu ao desfile pela primeira vez. “É muito lindo! Me encantei com a humildade dos carreiros e com o esforço que eles fazem para chegar até aqui. É realmente emocionante ver tanta fé e dedicação na realização desse desfile tão bem organizado”, ressaltou.

De Caturái (GO), o carreiro Paulo Henrique Almeida Gobi completou, em 2017, dez anos de desfile. “Satisfação inexplicável por estar aqui mais um ano. Graças a Deus todos com saúde e forças para agradecer ao Pai Eterno. Estou com toda a minha família, esposa e filhos criados nesta tradição que é tudo na minha vida”, disse.

Aos 27 anos, Suzana Vieira é carreira desde o ventre da mãe. Desde pequena nunca deixou de participar de nenhum desfile: “Para mim é muito especial. Quando termina um desfile eu já começo a pensar no próximo. É muita satisfação e amor pelo Pai Eterno”.

Patrimônio Nacional

Em setembro do ano passado, a Romaria de Carros de Bois da Festa do Divino Pai Eterno foi reconhecida como Patrimônio Cultural Brasileiro pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Por sua relevância como referência cultural e representatividade da vida rural, o Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural aprovou, por unanimidade,  o registro da celebração religiosa como patrimônio imaterial.

“Nós recebemos dos carreiros um abaixo-assinado com mais de cinco mil assinaturas, onde eles pediam o reconhecimento do desfile como patrimônio. Então, nós levamos dois anos e meio estudando isso. Fizemos primeiro o tombamento da Igreja Matriz e queríamos, hoje, entregar esse reconhecimento aos carreiros aqui, durante a Romaria, reconhecida pelo governo brasileiro. Para nós é uma alegria muito grande, resultado do nosso trabalho, que envolveu muitos especialistas”, pontuou a superintendente do Iphan em Goiás, Salma Saddi.

Durante o desfile, os carreiros receberam cópias do certificado concedido pelo instituto. “Achei muito bom, pois é uma devoção muito bonita, que vem do meu avô. O reconhecimento nacional significa a sequencia disso tudo para que jamais essa tradição morra, chegue ao fim”, completou o carreiro Paulo Henrique.

No próximo sábado, 1º, será promovida a cerimônia de entrega do certificado oficial durante a missa dedicada aos carreiros, às 17h30, na Praça do Santuário Basílica.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno