Devotos de vários cantos reunidos em comunhão na Casa do Pai

Eles expressaram seu amor, fé e gratidão pelo Pai Eterno em mais um ano da Romaria de Trindade (GO).

Normalmente, no quadro “Devoção pelo Brasil”, a equipe do Programa Pai Eterno viaja ao encontro de histórias de grupos e manifestações de fé em vários cantos do País. Na Romaria de Trindade, os devotos fazem questão de vir até a Casa do Pai  e esse assunto foi destaque no Programa Pai Eterno desta sexta-feira, 7.

“A minha fé no Divino Pai Eterno veio, primeiro, por Maria, que é nossa Mãe. Eu conquistei muitas graças. Tirei um rim com dois tumores malignos e deu tudo certo. De 2014 para cá, eu e minha família viemos todos os anos”, contou Afonso Rogério Mendes, de Elói Mendes (MG).

“Para mim é uma bênção vir aqui. Fico cheia de alegria para vir. Foram 17 horas para chegar aqui, mas venho. Entro cantando. Tenho muita fé no Pai Eterno. Todos os dias, acompanho a Novena, ajoelho e faço meus pedidos. Ele é tudo para mim”, disse Luzia Lopes Caetano, de São Paulo (SP).

“Estive doente, no ano passado, com hepatite e, graças a Deus, fiz o tratamento e a própria doutora disse que foi graça de Deus eu estar viva”, relatou Elza Teresinha German, de Porto Alegre (RS).

“É a fé que nos une. É a esperança por dias melhores, um mundo melhor. A gente tem visto um mundo tão perdido, que a gente busca se salvar por meio dessas orações, desse encontro com o Pai Eterno”, explicou Eneide Maria, de Lagarto (SE).

“A fé de todos juntos, com tanto amor. Pessoas de perto e de longe para louvar ao Pai Eterno. Fico muito emocionada quando venho, sinto muita paz. E a gente leva isso para casa também”, disse Maria Eleuza Pádua, de Sobradinho (DF).

“Tem muitos anos que venho. Cada ano que venho, parece que sinto mais vontade de voltar. A emoção é muito grande e cada vez diferente”, contou Maria do Socorro Barreira Alves, de Araguaçu (TO).

“Não tenho palavras para dizer a gratidão, o amor de Deus, dentro de mim”, ressaltou Elza Teresinha German. ”

“Para mim, Ele é tudo. Nós não vivemos sem Ele. Somos filhos do Pai Eterno”, expressou Eneide Maria.

“Ele é tudo. É a nossa fé, nosso amor, nosso agradecimento. Eu costumo dizer que aqui [Trindade-GO] não é somente um pedacinho do céu; é o céu todo. Maravilhoso”, concluiu Maria Eleuza Pádua.

Veja também:

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno