Congresso de prevenção às drogas aborda família como tema

Comunidade de Trindade participou de três dias de encontro com palestras e mesas redondas.

O uso das drogas é um problema que atinge cada vez mais famílias. Elas estão diretamente ligadas à criminalidade e fortalecem o tráfico de drogas e de armas, que matam milhares de pessoas todos os anos. Para debater o tema, as Obras Sociais Redentoristas realizaram o 5º Congresso Redentorista de Prevenção às Drogas e o Programa Pai Eterno desta sexta-feira, 22, mostrou como foram os três dias de encontro. (Assista ao vídeo abaixo)

Ciente da gravidade dos problemas causados pelas drogas, a participante Cleonice dos Santos Oliveira veio de Anápolis (GO) para participar do Congresso. Uma forma de aumentar o conhecimento a respeito do assunto.

“Eu quis aprender mais para ajudar as pessoas que precisam. Sem termos conhecimento, não podemos ajudar. Não podemos ter o sentimento de compaixão desprovido do científico para podermos atuar nessa sociedade que estamos inseridos”, afirmou.

A Sandra Nascimento de Bastos, de Trindade (GO), enfrenta o vício na família e sabe o quanto é difícil conviver com o problema. “Tenho parentes que infelizmente vivem no mundo das drogas e precisamos cada vez buscar mais conhecimento para ajudar principalmente os mais próximos”, disse.

Veja também:

Este ano, o tema do Congresso foi “Família: prevenção ao uso de drogas, codependencia e tratamento”. Em três dias os participantes puderam conhecer mais sobre o tema que já se tornou um problema social. Foram apresentações culturais, palestras e mesas redondas acerca do assunto. O objetivo foi apresentar soluções práticas para o resgate de pessoas envolvidas com o vício. Nós como Igreja, discípulos dos missionários de Jesus, queremos levar para essas pessoas que sofrem a nossa mão. Queremos estender a nossa mão para que eles possam ter a oportunidade de recomeçar a vida”, ressaltou Pe. Reinaldo Martins, diretor das Obras Sociais Redentoristas.

O Maurício Landre foi um dos palestrantes e falou sobre a afetividade e a sexualidade nos programas de recuperação de álcool e drogas. “Este é um tema muito importante para ser tratado, pois a pessoa precisa resgatar valores e afetos que a ajudem a se manter feliz, engajada na família e na sociedade sem o uso da droga”, ressaltou.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno