Evangelização

“É muito bom termos duas crianças”, declara mãe

Ela e o esposo construíram a família com base nos ensinamentos do Pai Eterno.

Neste mês de maio, o Mês Mariano, o Programa Pai Eterno está exibindo uma série de reportagens sobre mulheres, que a exemplo de Maria, são mães e se dedicam ao cuidado e amor dos seus filhos. Na edição desta sexta-feira, 18, o destaque foi para a história de vida e maternidade da enfermeira Fabiana Alves Ferreira Piaczarka. Ela e o esposo têm dois filhos e, juntos, formam uma família com princípios na fé. (Assista ao vídeo abaixo)

“Desde criança eu sempre tive vontade de ser mãe. Eu brincava muito de boneca, casinha, me imaginava como mãe. E quando eu me casei eu vi um pouco distante esse sonho, porque a gente tinha um pouco de infertilidade, eu e meu esposo, e a gente decidiu enfrentar isso junto. Casamos assim mesmo, conscientes, pelo amor que temos um pelo outro e na confiança de que Deus providencia as coisas”, contou Fabiana.

A enfermeira contou que depois de cinco anos de casados, eles resolveram ser pais.  “Dizemos nosso sim para a maternidade, e foi quando eu soube que o Davi ia nascer. Ele foi meu primeiro filho, hoje está com dez anos. Quando ele tinha dois anos, pensamos em ter mais um. Foi quando adotamos a Sara. Em 2010 ela nasceu e, hoje, ela está com sete anos. E é muito bom termos essas duas crianças”, disse.

O casal procura criar os filhos dentro dos ensinamentos da Igreja. “Eu procuro dar o exemplo de amor, educação; dentro da Catequese, ensino a servir a Deus. Somos uma família de servos. Desde muito tempo, servimos na música, na Igreja e se não fosse a música, seria outra coisa. E as crianças também estão tendenciadas para este lado musical. Se este for o chamado deles, eu desejo que sigam na música. Que cantem, toquem e sejam servos de coração”, pontuou Fabiana.

Veja também: 

O esposo, Edson Luiz Pieczarka, reconhece na esposa uma grande mulher e mãe. “A Fabiana é uma guerreira. Eu a vejo como uma pessoa extraordinária. Aqui em casa, ela é a que sustenta, ela é base dessa família. Eu a considero como um presente de Deus para mim. Então, ela é uma pessoa sensacional, uma peça fundamental na nossa família. Sozinho eu não daria conta de fazer nem a metade do que ela faz. Acho que ela sem mim daria conta de fazer tudo”, declarou.

Ela se emocionou com as palavras do companheiro de vida: “É gratificante ouvir essas palavras de uma pessoa que eu amo tanto, que é essencial para mim. Sem ele nada seria possível. Ele me dá base, segurança, é minha estrutura”, concluiu a enfermeira.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno