Evangelização

Saiba mais sobre os santos católicos celebrados no mês junino

Frei Airton Sousa Guedes fala sobre o real sentido religioso das festas e solenidades deste mês.

Junho começou e as festas juninas já estão acontecendo por aí. E você sabe que o real sentido das comemorações tem um conceito e uma tradição católica? São João, São Pedro e São Paulo são os santos celebrados pela Igreja neste mês. Este tema foi abordado no Programa Pai Eterno desta quarta-feira, 6. (Assista ao vídeo abaixo)

“Cada ano, neste mês, nós fazemos a memória da data litúrgica destes santos. As festas juninas entram na tradição católica, trazida pelos portugueses e entram na devoção popular. Então, o povo com grande alegria, muito devoto dos santos celebram as festas deles e recordando alguns sinais da cultura que veio junto com os primeiros habitantes do nosso país”, ressaltou o pároco da Paróquia Santo Antônio, Frei Airton Sousa Guedes.

Segundo o frei, a devoção aos santos juninos começou com festas em agradecimento à colheita. “Essas devoções são muito presentes. Tanto a de Santo Antônio, que é de Lisboa, quanto São João e também São Pedro, que são muito populares na cultura portuguesa. Essa cultura de devoção veio também, por isso fazia memória naquele período de comemoração das festividades em agradecimento a Deus”, pontuou.

São João é santo mais conhecido e mais comum neste tempo, tanto que as pessoas falam ‘Festa de São João’. “Ele era o santo que se fazia a promessa, os pedidos para que as colheitas fossem abundantes. Então, de fato era o santo que estava mais em mente na história das pessoas”, disse.

Veja também: 

São Paulo também é celebrado neste mês, mesmos sendo menos conhecido como um santo junino, ele também tem sua grande importância. “São duas colunas da Igreja: São Pedro e São Paulo. São Paulo tem o início de sua história no Cristianismo, que anunciado por Paulo, que atinge uma porção maior de cidade, país e territórios. Cada santo tem um sentido para a nossa tradição cristã, o exemplo de vida dele, a experiência de fé, a pregação que cada um fez, por exemplo: São João Batista tem a função de nos fazer entender o significado do nosso Batismo, e Santo Antônio como grande entendedor da Palavra de Deus e conseguiu por meio de uma linguagem simples, atingir a vida das pessoas”, explicou o frei.

O pároco concluiu e ressaltou o verdadeiro sentido e significado das celebrações juninas: “É claro que a musicalidade está na nossa cultura do povo brasileiro, a própria comida típica das festas juninas remontam aquela experiência da roça, da cultura de nossos antepassados, mas os santos, mais que a festa, a quadrilha e outras experiências, têm o exemplo de fé, de vida, que eles nos deixam como horizontes no seguimento da Palavra de Deus, da própria pessoa de Jesus Cristo, pois são, antes de tudo, cristãos”.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store