Notícias

Tempo Comum: O cotidiano na presença de Deus

Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Assunção, Pe. Marcos Rogério de Oliveira, fala sobre o tema. Confira!

O Programa Pai Eterno desta segunda-feira, 14, exibiu uma reportagem especial sobre o Tempo Comum. Quem falou sobre o tema foi o pároco da Paróquia Nossa Senhora da Assunção, Pe. Marcos Rogério de Oliveira. Ele explicou qual é o significado deste tempo e o que ele representa para os cristãos. (Assista ao vídeo abaixo)

“O mais bonito é podermos perceber que o Ano Litúrgico tem um caminho pedagógico. Então, ele vai nos ajudando a experimentar os mistérios de Jesus Cristo. E o Tempo Comum é este tempo concreto, onde abrimos o coração para entender que a vida, no seu cotidiano, revela a presença de Deus. A nossa vida não é só festa, nós acabamos de celebrar o Natal e agora a gente entra no Tempo Comum, que nos ajudará a vivenciar os mistérios do próprio Cristo”, explicou o padre.

A cor que predomina neste tempo é a verde, representado a esperança. “A Igreja é muito sábia. Se estamos na Quaresma com o roxo, depois vamos para a Páscoa com o branco, e chegamos no Tempo Comum com o verde. É o período da esperança, de colocar vida como sinal de graça, simbolizando que existe uma possibilidade de mudança daquilo que pode acontecer no cotidiano da nossa vida, redescobrir a esperança no dia a dia”, ressaltou Pe. Marcos.

O sacerdote pontuou que o Tempo Comum é dividido em dois momentos: “São 34 semanas que vamos celebrando o Tempo Comum. Na primeira parte, que vamos até a Quaresma, que vai chegando. E, depois, na segunda parte, vamos relembrando os mistérios de Cristo. O Tempo Comum nos ajuda a voltar para aquilo que é a experiência da nossa fé”.

Em várias passagens, a Bíblia remete ao Tempo Comum. “Quando a gente contempla o mistério do Cristo podemos olhar para tantas situações, podemos olhar em Lucas 14, por exemplo, Marcos 27, olhando para aquilo que Jesus fazia. É o cotidiano dele, caminhar com ele no dia a dia, perceber aquilo que ele estava fazendo. Quando os discípulos perguntam: ‘Mestre, onde moras?’. Ele responde: ‘Vinde ver’. E eles passaram o dia todo com eles. O Tempo Comum é para isso…passar o tempo inteiro com Ele para descobrir onde Ele mora, onde Ele faz morada”, afirmou.

Aos devotos, o padre deixou o conselho para que vivenciem o Tempo Comum com plenitude. “Abrir o coração para vivenciar o mistério de Deus é ter a possibilidade de perceber que no dia a dia vamos crescendo. Você já parou para pensar que tem dia em que acordamos cansados, achando a vida difícil, corrida, com a mesma rotina todos os dias. É resignificar neste Tempo Comum a nossa rotina, a nossa vida, agradecer, louvar. Cada dia que acordar, no comum da vida, dizer: ‘Obrigado, Senhor!’, porque é no comum, no cotidiano que pequenos detalhes  são demonstrados e que Deus atua na nossa vida”, concluiu Pe. Marcos Rogério.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store