Evangelização

5 curiosidades para conhecer sobre a Quaresma

Um tempo de reflexão, penitência e verdadeira conversão. Assim deve ser a Quaresma para os cristãos. Este período contempla costumes importantes da tradição católica com o objetivo de preparar todos para ressuscitarem com Cristo na Sua Páscoa. O frater Kevyn Freitas, da Congregação Santíssimo Redentor, explica ao Portal Pai Eterno algumas das características do período Quaresmal.

Um tempo de reflexão, penitência e verdadeira conversão. Assim deve ser a Quaresma para os cristãos. Este período contempla costumes importantes da tradição católica com o objetivo de preparar todos para ressuscitarem com Cristo na Sua Páscoa. O frater Kevyn Freitas, da Congregação Santíssimo Redentor, explica ao Portal Pai Eterno algumas das características do período Quaresmal.

Jejum e abstinência

O jejum é uma prática adotada pelo cristianismo como forma de mortificação e educação corporal. No jejum a pessoa faz uma alimentação durante o dia e, se necessário, um lanche menor, mas não uma refeição completa. A abstinência, como o próprio nome sugere, significa abster-se totalmente das refeições, é um jejum mais rigoroso, porém não é para ser feito de forma frequente. Grávidas, pessoas doentes, aqueles que exercem um árduo trabalho braçal ou intelectual estão dispensados da abstinência. Fr. Kevyn esclarece que beber água e tomar remédios são permitidos em qualquer tipo de jejum.

Práticas da Quaresma?

Muitas pessoas conhecem o hábito de jejuar durante a Quaresma, mas há outras duas práticas que a Igreja pede que sejam realizadas com mais atenção neste período: a oração e a esmola. “A oração define nossa relação com Deus, nos leva a um íntimo contato com Ele”, explica Fr. Kevyn. O religioso aponta que a esmola é a solidariedade com os irmãos e irmãs desfavorecidos de alguma forma.

Início e fim da Quaresma

O período Quaresmal se inicia na Quarta-feira de Cinzas e vai até a Quinta-feira Santa, quando a Igreja Católica relembra a Última Ceia do Senhor Jesus. “A Quaresma compõe o grande ciclo litúrgico do Tempo Pascal”, completa Fr. Kevyn.

A cor roxa

De acordo com o Fr. Kevyn Freitas, a cor roxa significa recolhimento e introspecção. “O roxo também é uma cor que expressa quietude, tempo de espera e reflexão”, afirma. Esta cor é a mesma utilizada em celebrações fúnebres e de finados, além disso é a cor do Tempo do Advento. “Aqui fazemos um paralelo: no Advento esperamos o nascimento de Jesus e na Quaresma a sua gloriosa ressurreição”, aponta Fr. Kevyn.

Significado do número 40

Este é um número simbólico para a Igreja Católica, pois é considerado um tempo perfeito para a concretização de uma ação. Para Fr. Kevyn, não significa que deve durar exatamente 40 dias, mas é considerado o tempo certo, a medida certa. “Os número 40 também relembra passagens importantes da Bíblia como os 40 dias e 40 noites do dilúvio, os 40 anos que o povo de Israel passou no deserto durante o Êxodo e os 40 dias que Jesus passou no deserto”, finaliza o frater.

No próximo domingo, terá início a segunda semana da Quaresma. Conte para nós como você está vivenciando este período!

 

Pollyana Reis
Jornalista Afipe

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store