Notícias

Grupo de amigas se reúne para confecção de terços

Enquanto a produção segue, elas rezam. Os terços são doados em igrejas, missões e hospitais.

A Oração do Terço é uma das mais antigas da Igreja Católica e se tornou uma prática constante de muitos cristãos. Rezá-lo é uma forma de pedir a intercessão de Nossa Senhora, Maria, a mãe de Deus em nossa vida. Ela que em suas aparições sempre pediu que os fieis o rezassem. Semanalmente, um grupo de mulheres se reúne para rezar e produzir terços.

Shuerlayni Avelino Gomes Silva, contadora, afirmou que o grupo foi uma inspiração divina para o início da confecção de terços. “Nós aprendemos a fazer o terço com uma senhora e começamos a fazer terços para doação. Então, foi um meio de evangelização, e que temos conseguido atingir muitos objetivos com isso. Realmente, a evangelização, a oração. E muitas pessoas estão aderindo à confecção do terço. Todos são para doação, são para igrejas, missões, hospitais”.

Em meio a muita conversa, a produção segue a todo vapor. “Nós temos esse sistema de trabalhar toda segunda-feira, das 17h às 20h, e a produção gira em torno de 80 terços por dia. Às vezes, vem menos pessoas de deve ser Nossa Senhora que ajuda a gente, porque pode ter menos pessoas, mas a produção não para”, contou Gália Calil Andrade de Carvalho, bacharel em Direito.

Os terços produzidos são doados. Para elas, uma forma de propagar a fé, que tem rendido muitas histórias. “Outro dia mesmo nós estávamos no hospital fazendo terço. Então, foi tão bem aceito, foi uma unção tão grande e eu só tenho que entender que Nossa Senhora estava querendo a nossa ação. Desceram todos os enfermeiros, médicos, todos queriam terços. Então, foi uma infinidade de terço que nós tivemos que dar conta. Eu achei muito lindo, porque um dia fomos a uma consulta e tinha um terço no consultório do médico. Eu nunca mais comecei uma consulta sem rezar para Nossa Senhora”, comentou Marizete Palmeira Machado, corretora de imóveis .

Nas reuniões, durante a fabricação, não pode faltar oração. É o que alimenta essa energia positiva entre as amigas. Em todos os encontros, elas aproveitam para rezar o terço.  “A gente começa a orar, quando a gente se propõe a fazer alguma coisa. E todas nós temos um propósito, fazer os terços. E o ato de fazer terço é um ato de oração, porque quando eu pego na bolinha vermelha, por exemplo, que no meu caso, será branco e vermelho, o vermelho representa o Pai Nosso. Em uma conversa e outra, a gente sempre se lembra de rezar, pelo menos esse é o exercício que nós todas fazemos no ato de confeccionar os terços”, contou Marta Horta Figueiredo de Carvalho, arquiteta e urbanista.

Com essa boa ação, os terços já chegaram até outros países. O importante é fazer a diferença na vida de quem recebe. “Está crescendo e tomando uma dimensão muito grande. Acho que realmente tem uma inspiração mariana. Acho que Nossa Senhora tem nos conduzido para realização e oração do terço”, concluiu Shuerlayni Avelino.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS











Newsletter