Notícias

Dia do Cardiologista: Fique de olho na saúde do seu coração!

Consulte um médico, faça exames, dieta e previna doenças cardiovasculares

Hoje, 14 de agosto, é o Dia do Cardiologista. Dia de refletir sobre o quanto é importante cuidar da saúde do coração. O aposentado Divino Araújo Maciel é um exemplo de quem precisou se atentar. “Na época da Festa do Divino Pai Eterno eu parei no meio da caminhada para aferir a pressão e foi quando eu descobri que eu estava muito mal. As moças que me atenderam lá nem queriam me deixar continuar a viagem. Eu fiquei um momento de repouso e elas mandaram em procurar uma equipe de cardiologia. Foi onde eu comecei em tratamento”, contou.

O Divino tem a doença de Chagas. Já são quinze anos tratando e as visitas ao cardiologista são frequentes. Ele sabe que para manter uma boa qualidade de vida, é importante ter uma rotina de tratamento. “Se não fosse esse tratamento. Talvez eu não estivesse aqui mais. Para mim, é tudo, pois eu não posso seguir a minha vida sem esse tratamento”, completou o aposentado.

O Fabiano Pereira Soares é caminhoneiro, sempre está na estrada e, por isso, se cuida bastante. “Acho muito importante e acho também que todos deveriam ter esta preocupação para evitar danos maiores. Tem que prevenir antes”, disse.

As doenças cardíacas são a principal causa de morte no mundo. O grande problema é que elas nem sempre dão sinal no início. Por isso, é importante fazer um acompanhamento anual, conforme alerta o cardiologista, Murilo Camargo, para os riscos que a falta de cuidado com a saúde do coração podem causar. “Estar sempre indo ao cardiologista é importante para saber como está a saúde do coração. Durante a consulta com o cardiologista, ele pode orientar um estilo de vida, uma orientação dietética, que previne que a pessoa desenvolva doenças cardiovasculares”, ressaltou.

Neste Dia do Cardiologista, o objetivo é conscientizar a população sobre a importância de ter um acompanhamento com um profissional da área para prevenir doenças do coração. O profissional destaca que ao sentir qualquer sintoma, a pessoa deve procurar um especialista. “Caso você tenha uma dor no peito, uma falta de ar, palpitação, inchaço nas pernas é sempre bom que procure um cardiologista para saber se não tem nada de errado acontecendo”, pontuou o cardiologista.

Desde a última quinta-feira, 8 de agosto, a população goiana pode contar com o apoio da Associação dos Médicos Católicos de Goiás. Segundo o secretário, entre os serviços prestados, está o cardiológico. “Na nossa associação, a gente inclui todas as especialidades médicas dos médicos católicos que queiram participar. Atualmente, nós temos várias especialidades, incluindo cardiologistas. É uma forma de trazer mais médicos para a sociedade”, disse.

Fonte: Afipe

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS











Newsletter