Como os cristãos devem vivenciar o Carnaval?

A Igreja Católica orienta os cristãos a buscarem momentos de comunhão e de viver uma experiência com Deus neste feriado

Muitos cristãos não sabem como vivenciar o carnaval diante das tantas possibilidades que o mundo oferece. Diante disso, a igreja explica para que serve esse momento especial e orienta como esse período deve ser vivenciado. E é justamente sobre isso que o padre Rodrigo Castro falou em entrevista concedida para a repórter Dayane Rodrigues, da TV Pai Eterno. Confira:

Dayane Rodrigues: Qual a opção ideal para quem busca viver em santidade?

Pe. Rodrigo de Castro: O período do carnaval é um período oportuno. O Carnaval nasce da festa de despedida da carne, por isso, na quaresma, ficamos 40 dias sem comer carne e fazemos a abstinência. É um período mais intenso em que buscamos a mortificação para viver verdadeiramente a Páscoa. É uma quebra da rotina para nós entrarmos com Jesus no deserto. Para nós, católicos, o carnaval deve ser vivido de uma maneira muito singular. Não nos deixando levar pelas atrações do mundo, mas buscando uma vida santa e com Deus.

Dayane Rodrigues: Quais as opções para quem quer vivenciar esse momentos como a igreja propõe?

Pe. Rodrigo de Castro: Temos encontros, retiros, momentos de silêncios, celebrações acampamentos, e tantas outras coisas além de momentos de família que nos levam a viver verdadeiramente esse momento de despedida da carne.

Dayane Rodrigues: Por que esse momento é tão importante para os cristãos?

Pe. Rodrigo de Castro: O Carnaval é um momento de ruptura, porém não pode ser guaia para o cristão como o mundo oferece. Não é participando das fantasias que nós vamos ser felizes. A verdadeira festa de Carnaval é celebrar cristãmente esse momento para entrar com êxito esse tempo do Senhor.

Dayane Rodrigues: Para quem está em Goiânia, tem programação?

Pe. Rodrigo de Castro: Em vários pontos da nossa igreja de Goiânia estaremos reunidos para realizarmos o rebanhão, nesses quatro dias com muito amor.

Dayane Rodrigues: Qual o tema e o que ele representa?

Pe. Rodrigo de Castro: Temos um grande tema que nos mexe esse ano.  A grande certeza de que somos chamados para viver a experiência de nos levantar para que nós possamos buscar em tudo as bênçãos e as graças do nosso bom Deus.

Dayane Rodrigues: Quem não pode participar em Goiânia, pode procurar a sua comunidade?

Pe. Rodrigo de Castro: Somos uma grande família que leva o amor do Pai Eterno a todos os povos. Busque ai na sua comunidade, na sua diocese, na sua comunidade uma forma de viver a Graça do Divino Pai Eterno e possamos celebrar o amor do Pai Eterno. Busque informações e se prepare bem para viver esse momento de despedida da carne.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store