Notícias

Grande Caminhada de Fé na Rodovia dos Romeiros não acontece neste ano

Espetáculo da Vida, Paixão e Morte de Jesus acontece há 30 anos e é prestigiado por cerca de 2 milhões de pessoas

O Grupo Desencanto de Teatro comunicou oficialmente o cancelamento da encenação da Grande Caminhada de Fé: Vida, Paixão e Morte de Jesus, , que aconteceria no próximo dia 10, Sexta-feira da Paixão, na Rodovia dos Romeiros (GO-060), passando por todas as estações da Via Sacra, até chegar em Trindade (GO). Esta seria a 30ª edição do tradicional evento que já integra o calendário cultural de Trindade (GO), e costuma reunir mais de dois milhões de pessoas todos os anos. 

O cancelamento foi preciso devido à pandemia do novo coronavírus, que resultou em orientações do Ministério da Saúde para não aglomeração de pessoas, evitando assim a proliferação do vírus. Segundo Amarildo Jacinto, autor e diretor da Grande Caminhada de Fé, os artistas já estavam ensaiando, mas o cancelamento foi necessário. “O momento agora é de contribuir para nos proteger contra o mal maior, Em 2021, aguardamos todos de braços abertos!”, declara.

Via Sacra

Inaugurada há mais de 21 anos, a obra da Via Sacra na GO-060 é composta por sete paradas e 14 painéis, que representam a dor e o sofrimento vividos por Jesus Cristo durante sua Vida, Paixão e Morte. Quem passa pela Rodovia dos Romeiros pode reviver esta história e refletir sobre o amor de Deus, bem como fazer suas orações em cada estação.

Durante a Romaria do Divino Pai Eterno, milhares de pessoas passam pelas estações, que se tornaram um dos pontos de peregrinação mais importantes para os romeiros do Divino Pai Eterno. Tradicionalmente, na Sexta-feira da Paixão, os painéis se transformam em palco para a encenação teatral do Grupo Desencanto, que este ano não se apresentará.

O significado das estações da Via Sacra

Na primeira estação, Pilatos condena Jesus à morte. Na segunda estação, Ele é entregue aos judeus e toma a cruz aos ombros, para começar a sofrida caminhada. Na terceira, temos a representação de Jesus caindo sob a cruz pela primeira vez e recebendo a coroa de espinhos.

Na quarta estação, Jesus encontra-se com Sua mãe. Imagina-se que Nossa Senhora ficou sabendo, por meio de São João, que Jesus tinha sido condenado e ela, então, vai procurar o seu Filho. Ela sai pelas ruas da cidade procurando seu Filho, até encontrá-Lo.

A quinta estação é onde, a caminho do Calvário, Cirineu ajuda Jesus a carregar a cruz. A estação de número seis traz uma mulher de Jerusalém, Verônica, limpando o rosto ensanguentado de Jesus.

A sétima estação representa o peso da cruz. As forças de Jesus se esgotam e o cansaço é quase insuportável. Com dores e muito abatido, Jesus cai pela segunda vez. Na oitava estação, Jesus consola as mulheres de Jerusalém, que choram ao vê-Lo em meio a tanto sofrimento. Na nona estação, no topo do Calvário, os algozes O chicoteavam e Ele cai pela terceira vez. Já na décima parada, Ele é despido de Suas vestes.

A décima primeira estação representa a crueldade da pregação de Jesus. Ele é fixado na cruz por pregos nos pulsos, e depois nas juntas do tornozelo e calcanhar. A morte de Jesus é representada na décima segunda estação. Em seguida, décima terceira, o corpo de Jesus é retirado da cruz e colocado nos braços de sua mãe. E por fim, na décima quarta estação, o corpo de Jesus é depositado no sepulcro.

 

 

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store