Notícias

“Foi o maior milagre que Ele poderia fazer por mim e fez!”, afirma devota de 101 anos

Curada da Covid-19, Petronilia Sousa Almeida atribui sua cura à fé, ao amor e proteção do Pai Eterno e da Virgem Maria

São 101 anos de vida comemorados exatamente hoje, 2 de junho. Petronilia Sousa Almeida nasceu em 1919 e, de lá pra cá, tem uma história de vida que a enche de orgulho de contar e encanta quem sempre quer ouvir. Viúva, mãe de 14 filhos, avó de 71 netos, 98 bisnetos e 16 tataranetos, ela construiu sua família sempre com o alicerce na fé e no amor. Moradora de Axixá do Tocantins (TO), é uma fiel devota do Divino Pai Eterno e, hoje, tem um motivo ainda mais especial para celebrar a vida: foi curada da Covid-19, doença alastrada pelo Brasil e pelo mundo. Foram seis dias internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), longe dos cuidados da família, mas no coração de todos, a única certeza: ela estava sendo cuidada pelo Divino Pai Eterno.

Eu me apeguei ao Divino Pai Eterno e estou aqui. Ele quis me dar saúde para eu me recuperar e completar mais um ano de vida. Foi o maior milagre que Ele poderia fazer por mim e fez. Eu já vinha rezando muito e, há cinco anos, eu bebo a água benta pelo Pe. Robson [de Oliveira] na TV. Eu acho que, desta vez, o Pai Eterno e o Espírito Santo benzeram a água muito bem benzida e eu pedi, que se fosse da vontade Deles e também da Virgem Maria, que me curassem da doença. Deus é quem sabe da vida que me deste. Eu estou bem e curada! Todos os dias eu bebo a água e toda a família também bebe. O Divino Pai Eterno faz milagres!”, conta Petronilia.

Por lá, a família toda é devota do Divino Pai Eterno. Dos filhos, a maioria segue os passos da mãe na devoção e, inclusive, já estiveram em Trindade (GO) para agradecer por outras bênçãos recebidas. “Em 2012, nossa mãe foi diagnosticada com problema no coração e o médico deu dois meses de vida para ela. Desde então, ela começou a rezar a Novena [dos Filhos do Pai Eterno] com o Pe. Robson e, pela fé, recebeu a graça do Pai Eterno. Ela conta essa graça recebida para todo mundo. Logo depois, meu neto nasceu com problema nas pernas. Nós o levamos ao médico e ele disse que, dificilmente, meu neto andaria. Então, eu fiz a promessa de que, se ele andasse, eu faria a caminhada de Goiânia a Trindade. Em oito dias, meu neto andou e, hoje, ele tem dez anos. Nós agradecemos e louvamos ao Divino Pai Eterno por isso. Eu demorei um tempo para pagar minha promessa, pois eu não tinha saúde e todos achavam que eu não conseguiria fazer a caminhada, mas para a honra e glória do Senhor, eu consegui. Eu fiz a caminhada e todo mundo ficou impressionado. São três graças recebidas na minha vida e, agora, mais uma, a cura dela. E aqui em casa todas as minhas irmãs também já fizeram a caminhada. Hoje, só temos a agradecer ao Divino Pai Eterno”, relata Antônia Sousa, uma das filhas de Petronilia.

A neta, Lislena Sousa Freitas, se orgulha em ver a fé da avó repassada por tantas gerações. “Ela passa o dia todo rezando pela TV Pai Eterno e fala sobre a fé dela e sobre todas as graças recebidas para quem quiser ouvir. Todos lá no hospital, onde ela ficou internada, ficaram impressionados com a força e a recuperação dela. Achamos que ela não voltaria mais, mas ela recebeu mais uma chance de vida, não era um adeus, era mais uma lição para nós todos. Hoje é o aniversário dela de 101 anos e ela está muito feliz”, conclui a neta.

 

Veja o testemunho de fé enviado pela família à Associação Filhos do Pai Eterno:

 

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store