Informação

Monsenhor Francisco Agamenilton é ordenado Bispo de Rubiataba/Mozarlândia

Sua nomeação foi feita pelo Papa Francisco no dia 23 de setembro de 2020

No último domingo, 07 de dezembro, foi realizada a Ordenação Episcopal do mons. Francisco Agamenilton Damascena, bispo eleito para a diocese de Rubiataba-Mozarlândia, em Goiás. Sua nomeação foi feita pelo papa Francisco no dia 23 de setembro e agora já foi ordenado e segue à frente da diocese.

A cerimônia de ordenação episcopal teve como bispo ordenante, dom José Silva Chaves, bispo emérito da diocese de Uruaçu e os co-ordenantes, dom Messias dos Reis Silveira, bispo diocesano de Teófilo Otoni (Mg) e dom Adair José Guimarães, bispo diocesano de Formosa (Go).

Para o monsenhor é uma honra assumir essa nova missão. “É uma experiência de temor no sentido de ter sido destinatário de uma escolha divina. Mesmo que eu saiba que seja Deus a me chamar me dá um certo medo diante de Deus de saber que Ele olhou pra mim e me pediu esse Sim. Por outro lado tenho essa alegria, essa satisfação vocacional, e fico sereno diante disso”, conta.

Sobre o novo bispo

Padre Francisco Agamenilton Damascena nasceu no dia 26 de junho de 1975 na cidade de Currais Novos (RN). Ele é filho de Agamenon Faustino Damasceno e Terezinha Rodrigues Damasceno, tem dois irmãos, sendo ele o filho mais velho, e quatro sobrinhos. Os seus primeiros anos de vida foram vividos em Bodó (RN). Por causa do trabalho de seu pai no setor de mineração, sua família viveu em várias cidades. Foi batizado pelo padre Ausônio, no dia 27 de junho de 1976, na matriz da Paróquia de São João Batista, em Cerro Corá (RN).

Padre Agamenilton foi catequisado por Dona Julieta e recebeu por primeira vez a Eucaristia no dia 26 de junho de 1983, na capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na Vila Acauã, em Currais Novos, também das mãos de padre Ausônio. Em outubro de 1985 sua família veio para Goiás e se instalou em Niquelândia. Nesta cidade padre Agamenilton viveu até o seu ingresso no Seminário. Concluiu o ensino fundamental no Centro Educacional CODEMIN, em 1989, e o curso técnico em Química na Escola Técnica Tocantins, em 1992. Trabalhou como instrutor de datilografia, assistente administrativo e office-boy.

Seu encontro pessoal com Jesus Cristo se deu no tempo de preparação para a Crisma cuja catequista foi a senhora France. Foi crismado por Dom José Chaves, na capela Nossa Senhora d’Abadia, em Niquelândia (GO), no dia 21 de outubro de 1990. Neste tempo sua vida eclesial se deu na capela São Francisco de Assis, Paróquia São José, onde foi catequista, membro da pastoral vocacional e de grupo de jovens. Sua vocação sacerdotal foi despertada aos 16 anos de idade. Com o auxílio de frei James, OFMConv e padre Aldemir Franzin fez o discernimento vocacional e ingressou no Seminário Maior Nossa Senhora de Fátima, em Brasília, no dia 21 de fevereiro de 1993. Posteriormente, em outubro de 1994, foi enviado por Dom José Chaves para o Collegio Internazionale Maria Mater Ecclesiae, em Roma. Concluiu o bacharelado e mestrado em Filosofia e o bacharelado em teologia no Pontificio Ateneo Regina Apostolorum. Em 16 de setembro de 2000 foi ordenado diácono por Dom Jaime Vieira Rocha, na catedral de Caicó (RN). Em 19 de março do ano seguinte foi ordenado presbítero por Dom José Chaves, em Niquelândia. Seu ministério presbiteral transcorreu em várias missões: formador no Seminário, professor de Filosofia, Cúria, coordenações de pastorais e conselhos diocesanos, vigário, pároco e administrador diocesano.

Em 2013, Dom Messias dos Reis Silveira enviou padre Agamenilton para Roma a fim de fazer o doutorado em filosofia, na Pontificia Università Lateranense, concluído em 2016. Neste período ele morou no Collegio Sacerdotale Giovanni Paolo II e colaborou na Paróquia Santa Sinforosa, em Bagni di Tivoli.

Vida ministerial

Sua história religiosa passou por muitas atividades à serviço da igreja. Ao todo, são 19 anos de ministério sacerdotal na diocese de Uruaçu, onde passou por diversas atividades. Atualmente, é vigário da paróquia São Sebastião e exerce as funções de diretor acadêmico da Escola Diaconal São Lourenço e administrador diocesano de Uruaçu.

Fonte: Afipe com informações da diocese de Uruaçu.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno