Atendimento

Ornamentação: dedicação em prol da beleza do Santuário

Irmãs da Copiosa Redenção se dedicam para deixar o ambiente ainda mais encantador

Quem visita o Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade (GO), já se deparou com uma bela ornamentação de flores e arranjos. O trabalho é realizado pelas irmãs da Copiosa Redenção, que se dedicam para deixar o ambiente ainda mais encantador e propício para a experiência de amor e fé.  

Uma das responsáveis é a Ir. Claudete Ferreira Mendes. Ela não esconde a satisfação em desempenhar a função e conta que ver a igreja toda florida lhe traz uma grande alegria. “Nosso trabalho vai além de simplesmente enfeitar o local. Tudo que nós fazemos é para o Pai Eterno. Ele merece ver a Sua Casa com as maravilhas criadas por Ele e toda cheia de vida”, diz a religiosa.

Segundo ela, as compras de flores são feitas uma vez por mês, mas semanalmente os arranjos são reaproveitados e montados de outra forma. Ela ainda destaca que, apesar das restrições exigidas pela pandemia nas celebrações, a ornamentação no Santuário não parou.

As decorações são feitas para as missas, e elas continuam durante a pandemia. Mesmo de casa, os devotos do Divino Pai Eterno merecem ver a igreja com toda a beleza que as flores trazem. Também é uma forma de louvar ao Pai”, conclui Ir. Claudete.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.
3 Cometários
  • nilza fernandes de luca
    25/7/2021 - 11:25:33

    Quero agradeser pela imagem recebida do divino pai eterno E pedir que continue orado por nos.continuo sedo uma colaboradora,

  • MARIA DE LOURDES COMELI
    25/7/2021 - 11:50:57

    DE US ABENÇOE IRMÃ CLADETE E SUA EQUIPE.AMO VER OS ARRANJOS. ESPERO UM DIA VOLTAR NESTE SANTUÁRIO.CASA DO PAI.

  • MARCIZA
    30/7/2021 - 14:27:42

    PARABÉNS PELO BELO TRABALHO!

  • TV Pai Eterno

    Faça parte desta família

    Baixe o aplicativo Pai Eterno


    Google Play
    App Store
    © Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno