Construção

Novo Santuário: conheça a função de sinaleiro

É o profissional que orienta o operador do guindaste para movimentação de cargas

A obra do Novo Santuário possui detalhes que passam despercebido aos olhos de quem acompanha de longe essa construção. São funções desempenhadas dentro do processo de edificação que, para quem não conhece, não imagina também qual é sua importância.

É o caso da função de sinaleiro. O profissional dessa área é quem orienta o operador do guindaste com sinais específicos ou com auxílio de rádios comunicadores para movimentação de cargas, controlando peso e condição de amarrações dentro da obra em fase de construção nas alturas.

É um papel muito importante e fundamental no processo de movimentação de todas as cargas de grande escala. O sinaleiro da obra, Antônio José diz que seu sua principal atividade é a orientação.  “Eu tenho eu ficar em uma distância, orientar o operador do guindaste e ficar de olho em tudo que chega. Carregamos muitas coisas que não dava pra trazer nos braços, então esse trabalho é importante para otimizar e facilitar o trabalho de todos”, ressalta.

Segundo ele, a função requer muita atenção e não aceita deslises. “Quando estamos no trabalho, temos muita concentração, pois é um serviço delicado, e que exige bastante atenção. São carregamentos de grandes pesos e nosso trabalho é fazer com que esse material chegue aos operários em segurança”, destaca.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno