Redentoristas

Novena Perpétua celebra 100 anos: rezemos à Mãe do Perpétuo Socorro

Para falar sobre a importância da data, o Programa Pai Eterno recebeu o Missionário Redentorista, Pe. Celso Vieira da Cruz

A Novena Perpétua é uma das formas mais marcantes da devoção ao ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. No próximo ano, a celebração completará 100 anos, mas as comemorações já começaram. O Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Curitiba (PR) deu início às celebrações e terá nove meses de preparação para a tão esperada festa do centenário.

A origem das novenas perpétuas aconteceu em 11 de julho de 1922, inspirada no coração do padre André Browne, Missionário Redentorista e pároco da Paróquia Santo Afonso, em Saint Louis, Missouri (EUA). Naquele dia, após contemplação das orações, criadas e realizadas pela Arquiconfraria de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, o sacerdote considerou importante a realização de exercícios espirituais todas as quartas-feiras.

As graças e os milagres foram acontecendo e a devoção rapidamente se espalhou pelo mundo. As novenas se transformaram na forma mais marcante de devoção à Mãe do Perpétuo Socorro. E foi por meio delas que os Missionários Redentoristas ganharam força, na missão dada a eles pelo Papa Pio IX, em 1866: de tornar Nossa Senhora do Perpétuo Socorro conhecida no mundo inteiro!

Para falar sobre o jubileu de 100 anos e a importância desta data, o Programa Pai Eterno recebeu o Missionário Redentorista, Pe. Celso Vieira da Cruz, reitor do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Curitiba (PR).

Confira, abaixo, a entrevista na íntegra:

Com informações da Arquidiocese de Curitiba


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.
1 Cometários
  • Maria Rita Gagliazzi
    8/11/2021 - 12:07:40

    Sou evangelizadora. Tenho muita fé e não perco a novena.

  • TV Pai Eterno

    MATÉRIAS RELACIONADAS



    Faça parte desta família

    Baixe o aplicativo Pai Eterno


    Google Play
    App Store
    © Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno