Apoio Espiritual

Conheça os símbolos que representam uma Basílica

A Umbela e o Tintinábulo são elementos especiais e que caracterizam uma igreja como Basílica

Hoje, 18 de novembro, o Santuário Basílica completa 15 anos de elevação ao status de Basílica Menor. O título é um reconhecimento à sua importância na fé e à grandeza da devoção ao Divino Pai Eterno.

E, quando uma igreja se torna Basílica, há sinais especiais presentes, que demostram essa titularidade tão importante. Na entrada principal, há as imagens de São Pedro e São Paulo. Dos dois lados, também na entrada, estão as placas de bronze, onde estão registradas, em latim, a dedicação e instalação.

Outros símbolos muito importantes são a umbela e o tintinábulo. “A umbela, a princípio, era uma tenda que guardava o imperador romano. Depois, com a institucionalização da Igreja e a aproximação do Império, ela também foi muito usada como uma tenda papal, onde o Papa, às vezes, descansava, em alguma visita ou batalha. O tintinábulo possui um sentido muito especial, pois, assim como a umbela, ele acompanha as procissões que partem e que saem em direção a uma basílica. Ele tem o sentido de anunciar a chegada do Papa a uma igreja. Ele é um sino, que está sob uma haste decorada, que significa o anúncio da chegada de alguém importante”, explicou Pe. Bráulio Maria.

 


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno