Redentoristas

Legados Espirituais: saiba mais sobre Irmã Dulce, o Anjo Bom da Bahia

No “Programa Pai Eterno”, conheça a história da primeira santa do Brasil

Irmã Dulce foi uma religiosa que dedicou sua vida aos doentes e necessitados. Foi uma das mais importantes e notórias ativistas do Brasil. Suas obras tornaram-se referência de bondade, repercutindo no mundo todo. Todo esse legado a tornou a primeira santa do Brasil.

“Minha cabeça estava virada mais aos pobres e doentes. Naquela época, todo mundo estranhava porque eu vivia na rua, mas eu tinha licença para fazer isso. Eu sabia que era isso que tinha que fazer”. O belo relato da Irmã explica o porquê de ter se tornado o Anjo Bom da Bahia. Ela tinha uma meta para cumprir quando se tornou religiosa: ajudar quem precisava. E conseguiu!

O quadro “Legados Espirituais”, do “Programa Pai Eterno”, contou a história de Irmã Dulce e suas importantes obras de caridade. Confira:

 


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno