Notícias

97% das brasileiras têm medo de sofrer algum tipo de violência nas ruas

Papa diz que essa violência precisa ser erradicada

Uma pesquisa da Locomotiva e do Instituto Patrícia Galvão revela que 97% das brasileiras têm medo de sofrer algum tipo de violência ou importunação nas ruas. Segundo o estudo dos dois institutos, oito em cada dez mulheres que moram no Brasil adotam medidas de segurança na rotina. Entre essas ações estão compartilhar a localização e evitar sair à noite pelas ruas.

Entre os dados levantados, destaca-se a também a preocupação do público feminino em relação a situações como assaltos, estupros e assédios. Esses dados se justificam, afinal, 74% das mulheres já enfrentaram experiências de violência nas ruas, incluindo assaltos, agressões físicas e olhares invasivos. 88% das pesquisadas informam que conhecem outras mulheres que sofreram violência.

De modo geral, o estudo aponta que as mulheres negras sentem mais impactos da violência do que as brancas. O levantamento contou com a participação de 1600 mulheres em todo o Brasil, sendo realizado no mês de outubro, com uma margem de erro de 2,2 pontos percentuais.

Violência contra a mulher é uma erva venenosa a ser erradicada, diz Papa
No microblog X, o Pontífice destacou a gravidade do fenômeno. “A violência contra as mulheres é uma erva venenosa que aflige nossa sociedade e deve ser eliminada pela raiz. Essas raízes crescem no solo do preconceito e da injustiça; devem ser contrastadas com uma ação educativa que coloque o centro a pessoa com sua dignidade”, disse o Papa.

 


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno