Compartilhe sua graça alcançada

Etapa 1: Meu testemunho

Etapa 2: Testemunho Enviado

*Required fields
Este campo está correto

Este campo é obrigatório ou está inválido

Olá, .

Concluído: Seu testemunho passará por moderação. Em breve publicaremos.
Recebemos o seu testemunho com sucesso!
Obrigado pelo seu testemunho de fé. É de grande valor para os devotos do Divino Pai Eterno.
10 DEPOIMENTOS
  • José Ameliano Gomes -- Igaraçu do Tietê - SP
    24/06/2019 - 15:35

    Eu e minha esposa Hilda Marques temos muita fé e devoção no Divino Pai Eterno. Acompanhamos as novenas e tomamos a água benta todos os… Continue lendo

    Eu e minha esposa Hilda Marques temos muita fé e devoção no Divino Pai Eterno. Acompanhamos as novenas e tomamos a água benta todos os dias. Minha esposa adoeceu e estava com muita dor no joelho. Ia ao médico, o mesmo dizia que ela tinha um osso que estava crescendo muito. Apegamo-nos ao Divino Pai Eterno e hoje minha esposa está curada. Estive no Santuário para agradecer ao Divino Pai Eterno a graça alcançada. Amém!

  • Geni Benedita Gomes Tano -- Registro - SP
    24/06/2019 - 14:57

    No dia 21 de dezembro de 2014, estava caminhando como de costume as 08h00min da manhã, fui atravessar a rua e quando já estava no meio da… Continue lendo

    No dia 21 de dezembro de 2014, estava caminhando como de costume as 08h00min da manhã, fui atravessar a rua e quando já estava no meio da faixa veio um carro e parou para que eu pudesse atravessar, mas acontece que atrás vinha outro e não parou, pois a mulher estava no celular e foi para cima de mim, me jogando mais ou menos 05 metros para fora da faixa, desmaiei, fiquei desacordada mais ou menos 20 minutos até chegar o socorro. Segundo minha família, quando o resgate chegou eu estava desacordada, porém me colocaram na maca para levar ao hospital. Eu acordei e a primeira coisa que fiz foi suplicar ao Divino Pai Eterno que me socorresse. Fiquei no hospital 12 horas em observação, mas graças ao Divino Pai Eterno não aconteceu nada de quebradura, machuquei bastante as pernas, o tórax, mas graças a Deus não fiquei com nenhuma sequela. Estive no Santuário para agradecer aos pés do Divino Pai Eterno a graça recebida. Amém!

  • Terezinha de Lourdes da Silva Arantes -- Poços de Caldas - MG
    24/06/2019 - 14:10

    Em uma consulta para outras finalidades, o médico constatou a existência de um pequeno nódulo no seio direito. Eu e minha família somos… Continue lendo

    Em uma consulta para outras finalidades, o médico constatou a existência de um pequeno nódulo no seio direito. Eu e minha família somos devotas do Divino Pai Eterno e de Nossa Senhora, e pedíamos a graça da minha cura. Todos os dias com muita fé, eu e minha filha acompanhávamos a Novena dos Filhos do Pai Eterno, tomava a água benta e passava na região do seio. Após a realização dos exames necessários, fui encaminhada para um especialista que confirmou a existência de tumor maligno em dois locais do seio direito. Com ajuda e as bênçãos do Divino Pai Eterno fui submetida à cirurgia e correu tudo muito bem e recebi alta no mesmo dia. Segundo os resultados dos exames feitos após a cirurgia, a equipe médica constatou que o resultado foi muito melhor que o esperado, pois um dos nódulos com câncer era menor do que antes constatado e o outro nódulo que anteriormente sido diagnosticado como câncer, não era. A equipe médica falou que eu estava curada e recomendou 19 sessões preventivas de radioterapia. Fiz as sessões também com a proteção do Divino Pai Eterno, correndo tudo bem, pois em todos os momentos de medo e aflição (sou uma pessoa muito nervosa) pedi e senti a presença do Pai Eterno e de Nossa Senhora junto comigo. Recebi alta no dia 18 de agosto de 2018. Faço acompanhamento de rotina, estou com muita saúde e levando uma vida normal. Estive no Santuário para agradecer aos pés do Divino Pai Eterno a graça recebida. Amém!

  • Raquel Aparecida Marciano Fonseca -- Lagoa Dourada - MG
    24/06/2019 - 13:31

    Em novembro de 2016, aos 31 anos fui diagnosticada com um câncer de mama bem agressivo. Passei por 03 cirurgias, fiz quimioterapia, passei… Continue lendo

    Em novembro de 2016, aos 31 anos fui diagnosticada com um câncer de mama bem agressivo. Passei por 03 cirurgias, fiz quimioterapia, passei muito mal e não podia ter contato com as pessoas. Sofri muito, mas nunca perdi a fé no Divino Pai Eterno. Hoje estou curada, mas ainda faço tratamento para prevenção. Graças ao Divino Pai Eterno por intercessão de Nossa Senhora Aparecida. Amém!

  • Brenda Cintia de Almeida -- Uberaba - MG
    24/06/2019 - 11:25

    Tenho 20 anos e venho contar uma grande graça que recebi. Fui ao médico ginecologista, onde fui diagnosticada no primeiro exame com uma… Continue lendo

    Tenho 20 anos e venho contar uma grande graça que recebi. Fui ao médico ginecologista, onde fui diagnosticada no primeiro exame com uma possível ferida no útero. Pedi um novo exame mais detalhado para o médico, achando que se tratava de um tumor no útero. Durante verificação junto com o médico veio à notícia que não era doença, mas sim uma gravidez inesperada. Na hora não sei se ria ou se chorava ao mesmo tempo, no final da verificação do exame, o médico relatou que não era uma criança, mas duas (gemelares) na mesma placenta por ser univitelino (desenvolvem-se a partir de um mesmo óvulo fecundado por um único espermatozoide), caso raro na gravidez, é de risco para as crianças e para a mãe, por se tratar da mesma placenta para duas crianças. Minha gravidez estava indo muito bem, todos os meses fazia ultrassom e ao chegar na 37° semanas, comecei enfrentar problemas e não sentia os bebês mexerem. Realizei um exame e foi constatado que um dos bebês já estava correndo risco de vida devido à falta de espaço e sem oxigênio. Na mesma hora os médicos fizeram com urgência uma cesariana, onde os bebês Ana Clara e Emanulley nasceram. Após o parto elas ficaram na UTI neonatal, pegaram infecção no intestino, deram anemia e tomaram transfusão de sangue. Eu tive alergia da anestesia, dor de cabeça forte e voltei para o bloco cirúrgico para fazer um procedimento de bloqueio (tira e injeta o sangue na espinha). Minhas filhas ficaram internadas 15 dias na UTI, foram dias de sofrimento vendo elas no leito de um bercinho chorando dia e noite com oxigênio, sem poder pegar e amamentar, só olhando pelo vidro. Com muita oração, eu e minha família pedíamos ao Divino Pai Eterno que tirasse minhas filhas daquela situação. Fomos para o quarto do hospital e Emanulley continuava com o aparelho de oxigênio, ficamos 03 dias em observação. Após 21 dias no hospital recebemos alta. Hoje estamos todas bem. Estive no Santuário para agradecer aos pés do Divino Pai Eterno pelas graças alcançadas. Amém!

  • Inez Menezes de Jesus -- Itabaiana - SE
    24/06/2019 - 10:36

    Em janeiro de 2013, fui diagnosticada com câncer no sangue. Comecei uma luta contra a doença, fiz 09 meses de quimioterapia, sofri muito,… Continue lendo

    Em janeiro de 2013, fui diagnosticada com câncer no sangue. Comecei uma luta contra a doença, fiz 09 meses de quimioterapia, sofri muito, mas nunca perdi minha fé de ser curada. Sempre pedi a Deus e acompanhava a sempre a Novena dos Filhos do Pai Eterno com muita fé. Foi uma longa jornada, mas em 2017, o médico me falou que estou curada. Graças ao Divino Pai Eterno e a água benta que tomo todos os dias. Hoje só faço acompanhamento, mas sei que Jesus me curou e devolveu a minha vida. Hoje só tenho a agradecer a Deus e ao Divino Pai Eterno. Amém.

  • Silvane -- Toledo - PR
    24/06/2019 - 10:31

    Em agosto de 2018, descobri que estava com endometriose profunda no intestino e no ovário. Eu e minha família ficamos muitos abalados, mas… Continue lendo

    Em agosto de 2018, descobri que estava com endometriose profunda no intestino e no ovário. Eu e minha família ficamos muitos abalados, mas não perdemos a fé, principalmente de meu pai Adenor e minha mãe Ilda que sempre acompanham as novenas e reza pedindo por mim também. Em março de 2019, alcançamos a graça, passei por uma cirurgia de grande porte, com a retirada de um pedaço do intestino. Hoje estou 100% recuperada com preservação do útero e ovários. Graças ao Divino Pai Eterno. Amém!

  • Maria Neide Bortolazzo -- Adamantina - SP
    23/06/2019 - 10:19

    Venho dar testemunho de uma grande graça que alcancei para o meu bisneto Enzo Moura de três anos. Entre o mês de agosto e setembro de… Continue lendo

    Venho dar testemunho de uma grande graça que alcancei para o meu bisneto Enzo Moura de três anos. Entre o mês de agosto e setembro de 2018, ele estava muito doente e teve que ser hospitalizado. Os exames de sangue dele sempre davam um resultado alterado e ruim. Então decidi acompanhar a Novena dos Filhos do Pai Eterno pedindo para que o próximo exame de sangue que ele fizesse mostrasse que ele estava melhor e pudesse ter alta do hospital. No dia 27/09/2018, eu alcancei essa graça e hoje ele está totalmente recuperado. Sou muito grata ao Divino Pai Eterno pela graça alcançada. Amém!

  • Valeria Sales Barbosa -- Fortaleza - CE
    23/06/2019 - 10:10

    Em 2017, minha mãe teve um câncer na mama esquerda. Como sou devota do Divino Pai Eterno, pedi para ela associar-se na Afipe e acompanhar… Continue lendo

    Em 2017, minha mãe teve um câncer na mama esquerda. Como sou devota do Divino Pai Eterno, pedi para ela associar-se na Afipe e acompanhar as novenas comigo. Pedimos a cura dessa enfermidade e Ele nos atendeu. Em dezembro deste mesmo ano, ela vomitou muito sangue e detectaram uma cirrose sem causa aparente. Foram realizadas algumas ligaduras no fígado e esôfago. Hoje minha mãe está curada de todas as enfermidades. Agradeço ao Divino Pai Eterno pelas graças alcançadas. Amém!

  • Hilda Aparecida Custódio Sousa Leite -- Caçapava - SP
    23/06/2019 - 10:00

    Meu irmão Luiz Carlos estava com problema circulatório nas penas, com muita dificuldade de andar, sentia muitas dores, achou que fosse… Continue lendo

    Meu irmão Luiz Carlos estava com problema circulatório nas penas, com muita dificuldade de andar, sentia muitas dores, achou que fosse devido uma cirurgia que havia feito no quadril, porém, as dores iam aumentando e seu movimento diminuindo. Foi ao médico, fez exames e constatou aneurisma femoral, e foi encaminhado as pressas para cirurgia. Corria o risco de 80% de ter que amputar a perna esquerda e talvez a direita também. Rezei incessantemente pedindo ao Divino Pai Eterno para que isso não fosse necessário, e com a graça de Deus fui atendida. Ele fez a cirurgia, correu tudo bem, foi um sucesso e hoje ele já está em casa se recuperando. Agradeço ao Divino Pai Eterno pela graça recebida. Amém!

TV Pai Eterno









Newsletter