Beato Vicente de Santo Antônio

Beato Vicente de Santo Antônio sentiu o chamado para evangelizar em terras distantes e onde o cristianismo não era bem-vindo. Ele pregou a Boa Nova e levou para muitas famílias a grande bênção que é o amor de Jesus Cristo

Beato Vicente nasceu em Portugal, no de 1590. Seus pais, Antônio Simões e Catarina Pereira, educaram-no na piedade e bons costumes e, passada a infância, enviaram-no para Lisboa onde, depois de ter revelado um talento multiforme ao longo da carreira eclesiástica e foi ordenado sacerdote aos 27 anos.

No ano de 1621, ele estava morando no México, onde entrou para a Ordem de Santo Agostinho. Lá, ele sentiu o desejo de ser missionário em terras japonesas.

Estando no Japão, Vicente mudou de traje e de nome, se passou por caixeiro ambulante pelas ruas de Nagasaki para poder entrar nas casas e introduzir-se nas famílias, onde converte os gentis e consola e encoraja os cristãos perseguidos. Durante anos, trabalhou na catequese, pregando a Boa Nova e administrando os Sacramentos.

Em 1629, Vicente foi descoberto e preso. Tentando fazer com que ele negasse sua fé em Cristo e não obtendo êxito, seus algozes o submeteram a cinco banhos consecutivos de água a ferver até ser martirizado pelo tormento do fogo.

Santos de Setembro

Ver todos

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store