São Carlos Lwanga e seus amigos

No 3 de junho a Igreja Católica celebra a vida de um grupo importante de mártires que deram a sua vida pela fé em Jesus Cristo e pela oração. São Carlos Lwanga e seus companheiros viviam em Uganda, e se converteram quando os cristãos foram para África levar o Evangelho.

Eles viveram durante o reinado de Mwanga, por volta do ano 1885. O rei não era cristão e não permitia que os seguidores de Jesus rezassem. Um dia ele reuniu toda a sua corte e conforme conta a história agiu da seguinte maneira: “Todos entre vocês que não têm intenção de rezar podem ficar ao lado do trono, aqueles que querem, rezar reúnam-se contra aquele muro”. Carlos Lwanga foi o primeiro a seguir até o muro, sendo seguido por outros quinze. O rei perguntou: “Mas vocês rezam de verdade?” “Sim meu senhor, nos rezamos”. respondeu Carlos em nomes dos companheiros. “Querem continuar rezando?” “Sim meu senhor, até a morte”, disse novamente Carlos. “Então, matem-nos”, decidiu o rei, dirigindo-se aos algozes.

Lwanga foi queimado vivo e seus amigos também foram torturados até morte de várias formas. O último companheiro morreu em 1887 afogado pelos guardas do rei. Apesar deste triste martírio, Carlos Lwanga e seus amigos permaneceram em oração, tanto que alcançaram a santidade.

Santos de Outubro

Ver todos

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store