São Pascásio

São Pascásio é conhecido por ser um grande estudioso e escritor sobre a fé católica e os sacramentos da Igreja. Sobre sua infância e juventude pouco se saber, a não ser que ele ficou órfão muito cedo e foi deixado na porta da Igreja de Nossa Senhora de Soisssons. Quem o acolheu foi a abadessa Teodarda que o educou como se fosse seu filho.

Entretanto, a conversão de Pascásio só ocorreu quando ele tinha por volta de 22 anos de idade, logo ele se tornou um professor reconhecido e levou fama para às escolas de Corbie, na França. No ano de 844, ele foi eleito como abade por seu colegas, porém, sete anos depois houve uma revolta que o obrigou a migrar para outra abadia.

Apesar de todas as adversidades e injustiças, São Pascásio permaneceu firme na sua missão. “Que felicidade, dizia, ser lançado nos braços da filosofia e da sabedoria, e poder de novo beber no meu outono o leite das Sagradas Escrituras, que alimentou a minha juventude!”, era o que afirmava. Por volta do ano 830, ele escreveu a Vida de Santo Adalardo, seu abade, posteriormente, escreveu o Tratado do Corpo e Sangue do Senhor, uma de suas obras mais importantes, que trata sobre a eucaristia.

Antes de sua morte, os colegas que o expulsaram pediram a sua volta, e ele voltou para Corbie vivendo como um simples religioso, seguindo seu propósito de escrever sobre as coisas de Deus. São Pascásio veio a falecer no dia 26 de abril de 865.

 

Santos de Maio

Ver todos

TV Pai Eterno

Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno