São Vilibaldo

Vilibaldo nasceu em 22 de outubro de 700, na Inglaterra. Seu pai era o rei Ricardo I. Ainda criança, foi confiado aos monges beneditinos, que cuidaram se sua formação intelectual e religiosa. Foi ali, entre eles, que decidiu ser também um monge.

Em 720, saiu do mosteiro e, na companhia de seu pai e seu irmão, seguiu para uma longa peregrinação, cuja meta final era Jerusalém. A viagem foi interrompida em 722, quando seu pai morreu na Itália. Assim, ele e o irmão resolveram ficar em Roma. Dois anos depois, sozinho, continuou a peregrinação, percorrendo toda a Palestina. Cinco anos depois, em 729, retornou para Roma.

O Papa Gregório II o enviou para o Mosteiro de Montecassino, a primeira comunidade beneditina da Europa. Vilibaldo deu então novo fôlego a este celeiro de homens dedicados à santificação, restabelecendo as regras beneditinas, de acordo com o estilo de vida espiritual instituído pelo fundador, São Bento. Dedicou outros 10 anos de sua vida à obra.

Novamente foi à Roma e partiu para evangelizar a Germânia. Em 740, Vilibaldo recebeu a ordem sacerdotal definitiva para ser consagrado bispo na Alemanha. Tornou-se um bispo itinerante, colocando-se frente a frente com os fiéis que iam se convertendo ao cristianismo. Morreu no dia 07 de julho de 787, em um mosteiro na Alemanha.

Santos de Setembro

Ver todos

TV Pai Eterno

Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno