Notícias

Votos temporários e perpétuos: a decisão final de servir ao Pai

Saiba mais sobre a última etapa do processo para a formação e ingresso na vida religiosa.

DESTAQUE_FIQUE_POR_DENTRO_2015_08_12_003Agosto é o Mês Vocacional e, quem ouve o chamado do Pai Eterno para seguir a vida religiosa passa, primeiro, pelo seminário, depois, pelo noviciado e, em seguida, faz os votos. A cada passo, o compromisso vai ficando mais sério para quem escolhe a vida religiosa e trilha um caminho de muita perseverança para servir a Igreja. O quadro Fique por Dentro, exibido no Programa Pai Eterno desta quarta-feira, 12, mostrou como é a última etapa do processo: os votos. (Assista ao vídeo abaixo)

O Pe. Natalino Martins explica que são dois tipos de votos: os  temporários e os perpétuos. “Essas duas realidades bonitas do ingresso na vida religiosa, chamam-se votos. Eles são o coroamento de toda uma caminhada, onde o jovem vai dizer por sua própria conta, por sua responsabilidade, que deseja seguir o Cristo, o Redentor. Os votos temporários são exatamente esta antecipação de um desejo definitivo. Os votos perpétuos já representam uma decisão acertada consigo mesmo para assumir o grande gesto de Cristo, evangelizando e doando a própria vida com a radicalidade do Evangelho”, explica.

Veja também:

DESTAQUE_FIQUE_POR_DENTRO_2015_08_12_002Os votos são uma espécie de compromisso que a pessoa firma consigo mesma e também com o Pai Eterno no intuito da certeza à dedicação. E o tempo de preparação não é curto, por isso, é exigida muita reflexão da parte de quem quer se tornar um religioso. “O seminarista ingressa em uma realidade totalmente nova, onde ele, a partir dos votos emitidos temporariamente, se prepara para os votos perpétuos. Um processo muito especial, onde, por meio da avaliação pastoral de seus tutores, ele é levado a pensar a própria vida a partir da vida de Cristo, para que os votos perpétuos sejam um verdadeiro reflexo de toda sua vida”, ressalta Pe. Natalino.

Sobre o seu caminho para chegar ao sacerdócio, o Missionário Redentorista relata que foi um momento de muita dedicação: “Todo seminarista deseja professar, e esse desejo não é uma privilégio daquele que sente, mas é um presente do Divino Pai Eterno, que vai nutrindo no coração desse jovem o desejo de uma consagração radical. Para minha pessoa, de um modo muito especial, viver essa realidade vocacional e consagrada era e é um grande ato de realização como pessoa, que com toda a dedicação responde ao um anseio maior, que é o anseio de Deus”.

O Programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store