Evangelização

Você já assistiu a uma missa sertaneja?

Tradicional em várias paróquias, celebração conta com coral e cânticos animados.

Você já assistiu a uma missa sertaneja? Tradicional em várias paróquias do Brasil, principalmente em Goiás, elas contam com a participação e animação de coral e cânticos no ritmo sertanejo. Em Trindade (GO), por exemplo, as missas sertanejas acontecem com a participação do Coral Sertanejo, que faz o maior sucesso, principalmente na Romaria do Divino Pai Eterno, em missas como as dos carreiros, cavaleiros e foliões.

De acordo com o Pe. Natalino Martins dentro da doutrina eclesial existem missas para diversas realidades e intenções. “Uma delas é a realidade sertaneja, que é a ação de graças por toda a realidade do campo, colocando na presença de Deus todos os esforços dos trabalhadores, do homem, da mulher, que trabalham no meio rural e que tem também a sua oportunidade de atualizar no seu jeito de trabalhar, nos seus sacrifícios cotidianos aquilo que nosso Senhor pediu, que é a vivência do amor, do esforço, da bondade e generosidade cotidiana. Por isso, a missa em ritmo sertanejo é exatamente para colocar no altar de Deus a realidade do homem do campo, da mulher do campo, das famílias que trabalham no meio rural e que oferecem os seus donativos, dons e frutos. Então, a Igreja tem essa possibilidade de rezar  e incentivar esta e todas as outras realidades para se fazerem presentes no Sacrifício de Cristo“, ressalta o Missionário Redentorista.

Vocalista e violonista do Coral Sertanejo, Anésio Gomes de Souza explica que o coral procura cantar dentro da Liturgia todos os momentos da missa, mas em ritmo sertanejo, lembrando o campo e a raiz sertaneja sempre. “Hoje a gente canta a missa em ritmo sertanejo com muita fé e devoção. Agradecemos ao Pai Eterno, às pessoas que apoiam nosso trabalho e colaboram. Cada um de nós leva esta mensagem e sempre pedimos as bênçãos para passar com amor e fé esta devoção a todas as pessoas que visitam Trindade”, afirma.

Para o sanfoneiro Djenisson Teodoro de Sousa é uma satisfação tocar para o povo músicas em ritmo raiz. “Ver que as pessoas gostam, cantam junto, é uma energia muito grande e boa”, disse. O contrabaixista Paulo Victor Bonfim Cardoso compartilha da mesma opinião. “As pessoas gostam e se sentem felizes em ver a gente tocar. Quando a missa acaba, muitas tiram fotos, nos abraçam, é muito bom”, relata.

Confira aqui a programação da Romaria do Divino Pai Eterno 2019.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.
1 Cometários
  • Celia dos Santos Jaraguá do sul SC
    11/6/2019 - 12:34:11

    Eu já assisti missa sertaneja é muito linda amém

  • TV Pai Eterno

    MATÉRIAS RELACIONADAS











    Newsletter