Evangelização

Hoje, 27 de novembro, é Dia de Nossa Senhora das Graças

Pe. Rosimar da Silva Aguiar fala sobre a história, exemplos e devoção à Maria sob o título. Confira entrevista especial

A Igreja celebra nesta quarta-feira, 27, Nossa Senhora das Graças.  Em entrevista especial, Pe. Rosimar da Silva Aguiar fala sobre o início da devoção e como ela pode se propagar ainda mais pelo mundo. Leia na íntegra:

Como surgiu a devoção a Nossa Senhora das Graças?

Pe. Rosimar da Silva Aguiar: É uma devoção que surge na França em 1830, a partir do momento em que Nossa Senhora aparece a uma noviça, Catarina de Labouré, e se apresenta como Senhora das Graças, um título que a gente olhando no próprio Evangelho encontramos, porque o anjo Gabriel, quando aparece a Maria diz a ela “Cheia de graça!”. Agora, Catarina vai entender que a devoção que deve ter a Maria ali na França e em todo mundo, que Nossa Senhora é cheia de graça também para nos dar a graça, trazer as graças a nós, a pedir a ela essas graças. Então, é isso que acontece ali nesse diálogo de Maria se apresentando como Senhora das Graças.

Como é o relato do pedido da Medalha Milagrosa?

Nesta visão que Catarina tem, ela tem também a visão de uma Medalha, na qual está a Imagem de Nossa Senhora e no verso tem a letra M com uma cruz e corações: o Sagrado Coração e o Imaculado Coração. E Nossa Senhora pede a Catarina que as pessoas que, com devoção, pedissem a Nossa Senhora por graças, as receberiam pelas mãos de Nossa Senhora.

Era tempo de uma peste na França e a Medalha foi usada como forma de devoção. O que aconteceu na época?

Conta-se a história que era a Peste Negra, que não tinha cura. Cunhando a Medalha, as pessoas foram curadas milagrosamente da peste. Então, salvaram-se muitas vidas e a devoção da Medalha foi se estendendo por todo o mundo.

Por que na Imagem de Nossa Senhora das Graças Maria está em cima de um globo?

A simbologia diz que ela tem graças para todo o mundo. Inicialmente dizia à Catarina para a França, para cada pessoa, para todo o mundo. Outra simbologia é que ela está pisando na cabeça da serpente. Nós olhamos lá em Genesis, quando se fala do anúncio de que a sua descendência irá esmagar a sua cabeça. Então, a Imagem mostra que o mal é vencido. Ela traz essa simbologia da redenção através das graças que Maria recebeu por ser a Mãe do Salvador, derramar tantas graças sobre todos nós. Das mãos de Nossa Senhora saem raios, que significam essas graças. O curioso é que alguns raios são finos e outros mais grossos. Os finos significam as graças que não foram pedidas e os grossos as que foram. Então, a simbologia é a grandeza de Maria que vai derramando graça, mesmo aquelas que ainda não foram pedidas.  Maria diz a Catarina que atenderia aos pedidos de graças, mas poucas pessoas pedem. Então, nós convidamos àqueles que têm a sua devoção a Maria para que peçam bênçãos a Maria, que tenham a Medalha consigo, que carreguem a Medalha consigo, que faça esses pedidos porque ela tem graças para nos dar.

A devoção nasceu na França, mas hoje no Brasil, temos forte a devoção a Nossa Senhora das Graças também?

São muitas capelas, reitorias, igrejas, que tem a devoção, que são construídas em nome de Nossa Senhora das Graças, além de muitas pessoas que trazem a Medalha consigo, conhecendo os escritos de Santa Catarina, pedindo a ela também, suplicando por graças. Mas, eu ainda sinto, que nós católicos, podemos crescer na nossa devoção pedindo a Nossa Senhora das Graças nossas graças. Eu penso que neste dia de Festa é um dia especial, de participar das missas, de vivenciar a oração, novenas.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.
2 Cometários
  • Thereza da Conceição Apparecida Domingues
    27/11/2019 - 17:27:21

    Esta aparição veio provar que Nossa Senhora foi concebida sem pecado original e que ela é a Medianeira de Todas as Graças.

  • Thomas Augusto
    27/11/2019 - 21:51:41

    Conheci a pouco tempo a oração de Nossa Senhora das Graças, e desse dia em diante, sempre converso e oro por Nossa Senhora das Graças, pedindo Bençãos para mim, para minha família e principalmente as Pessoas Mais Necessitadas. Abençoe a Todos Nós, Nossa Senhora das Graças. Amém!

  • TV Pai Eterno

    MATÉRIAS RELACIONADAS











    Newsletter