Informação

Catequese on-line em tempos de pandemia

Assessor da CNBB esclarece dúvidas sobre a modalidade que substitui os encontros presenciais

Em razão da pandemia e da necessidade de isolamento social, muitas dioceses começaram a oferecer formas criativas de dar continuidade ao processo de iniciação à vida cristã nas comunidades. Uma delas foi continuar os encontros de catequese na modalidade on-line para crianças, jovens e adultos.  

Para falar sobre o assunto, o Programa Pai Eterno recebeu o Pe. Jânison de Sá, assessor nacional da Comissão para a Animação Bíblico-Catequética da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Segundo ele, neste momento tão crítico pelo qual estamos passando, a modalidade on-line é bastante válida e fundamental para que o catequizando não interrompa sua formação cristã.  

“Não podemos deixar de lado o trabalho da catequese. A formação acontece por meio das redes sociais e também com a participação da família. Em boa parte das paróquias, o catequista transmite o conteúdo aos pais e eles repassam para os seus filhos. Temos percebido muitas experiências positivas nesse sentido”, explica o religioso.

Volta à normalidade 

Contudo, ele pondera que a forma on-line é apenas um suporte que não substitui uma catequese presencial, a qual conta com a convivência, a vida fraterna, a comunidade, o diálogo com o outro e a vivência do mandamento do amor. Pe. Jânison acrescenta que, logo após a vacina, as atividades serão pouco a pouco normalizadas e os catequizados voltarão de forma presencial.  

“É importante percebermos que a catequese não pode ser comparada com uma disciplina de cursinho, com a continuidade das aulas na modalidade virtual das escolas. A catequese é diferente! A catequese como ação evangelizadora a serviço da iniciação à vida cristã é um ato de natureza eclesial, que nasce do mandato missionário do Senhor e que está orientada, como seu nome indica, a fazer ressoar continuamente o anúncio de sua Páscoa no coração de cada pessoa, para que sua vida seja transformada (DC, 55)!”, reitera.

Com informações da CNBB 

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.
1 Cometários
  • Celina Cantidio De Oliveira
    19/1/2021 - 14:34:07

    GOSTEI MUITTO,DE MODO DE CATEQUESE,ESPERO QUE OUTROS,GGOSTEM TAMBEM.

  • TV Pai Eterno

    MATÉRIAS RELACIONADAS



    Faça parte desta família

    Baixe o aplicativo Pai Eterno


    Google Play
    App Store
    © Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno