Ajudar o próximo

Fundo Nacional de Solidariedade da CNBB colabora com o projeto Natureza Viva

Muitas famílias são beneficiadas com o projeto que visa a reciclagem do lixo

A Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis Natureza Viva, localizada em Governador Valadares, Minas Gerais, é conhecida em toda região, pela importância do serviço desenvolvido pelos colaboradores, que se desdobram para tratar o lixo coletado, transformando sucatas em trabalho e renda para diversas famílias. Essa é mais uma iniciativa contemplada pela Conferência Nacional dos Bispos no Brasil, a CNBB, por meio do Fundo Nacional de Solidariedade.

De acordo com o secretário executivo da CNBB, Pe. Patriky Samuel Batista, muitas famílias estão sendo beneficiadas. “São entorno de 50 famílias envolvidas com mais de 100 pessoas atendidas de forma indireta que antes estavam a lixão a céu aberto, então formou-se a Associação  para acolher esse pessoal e trabalhar melhor. Em 2008 o Fundo Nacional de Solidariedade colaborou com a compra de equipamentos, como uma prensa, um elevador”, explica o padre.

Por meio do projeto, também foi possível fazer um levantamento sobre a situação da coleta seletiva na cidade de Governador Valadares. Para a realização deste trabalho, foi utilizada a metodologia de pesquisa de informações junto à prefeitura local e à sede da associação, identificando assim como é realizado o processo de coleta e triagem do material reciclável. “Houve uma universidade que entrou como parceira nesse processo para poder possibilitar a coleta seletiva na cidade e ao redor. São diversos processos que envolvem as pessoas e a conscientização da população o cuidado com a ecologia e cada pessoa envolvida nesse processo”, conta Pe. Patriky.

A associação dos catadores de materiais recicláveis também oferece oficinas para capacitar seus integrantes. É uma forma para gerar emprego de qualidade a essa população e ensinar a importância da ecologia integrada, como sugere o espírito missionário da igreja. “Papa Francisco associa a degradação ambiental a degradação humana. Quanto mais perdemos a humanidade, o ambiente também sofre. Dai a importância da Igreja para ajudar na consciência de criar um estilo de vida que pode valorizar o meio ambiente. A Igreja pode e deve contribuir, intensificando a nossa presença a esses irmãos que tem sonhos, levando a palavra de Deus anunciando a palavra de Deus e testemunhando com a nossa presença. Amar é fazer o bem”, conclui o padre.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno