Construção

A importância do projeto arquitetônico da obra do Novo Santuário

Arquiteto explica as peculiaridades de um projeto como esse

A obra do Novo Santuário é um complexo religioso rico em detalhes. Quando ele foi pensado, muitas pessoas precisaram compor a equipe para que se chegasse a um resultado que pudesse agradar os devotos. Por esse motivo, o projeto arquitetônico é tão importante dentro da construção desse Santuário.

De acordo com o arquiteto responsável, João Martins Filho a  arquitetura caminha em paralelo com outros muitos projetos complementares de outros profissionais. “Nós caminhamos juntos e vamos decidindo juntos os detalhes técnicos, funcionais da obra. Temos todo um projeto de estrutura, de eletricidade, de rede hidráulica, combate a incêndio, climatização, enfim, todas as áreas técnicas que vão caminhando em paralelo construindo esse grande projeto, que é o Novo Santuário”, explica.

Segundo ele, a igreja é um complexo de espaços não comuns, pois mexe com a fé das pessoas, por isso requer muito carinho e cuidado em sua execução. “Tem a questão da experiência do fiel, que ao entrar naquele espaço a intenção é que seja uma experiência mistagógica, que seja de introdução ao mistério que ali é celebrado, o Mistério de Cristo. Então, toda essa concepção dessa percepção é pensada. Do espaço e a harmonia que aquelas obras de arte nos trazem, aliado com o conceito da arquitetura, com a parte do layout, a disposição dos elementos litúrgicos, a posição da assembleia, do coral, enfim tudo isso é pensando para que contribua para a experiência do fiel naquele momento do uso do espaço”, diz.

Além disso, detalhes importantes precisam ser levados em consideração, pois, por ser uma obra religiosa, é preciso responder liturgicamente. “Falando do espaço da igreja, e das capelas, temos que pensar nos elementos litúrgicos a partir do Altar que é a peça central. Temos a Cadeira da Presidência, o Ambão. Então temos que pensar nesse conjunto e sua visibilidade em toda a assembleia. Ver a posição do Cristo, de Nossa Senhora, dos santos. Temos a visitação da imagem, então precisamos pensar nisso, no fluxo de entrada e saída. Toda a ação litúrgica demanda uma resposta arquitetônica. então prestamos bastante atenção nisso”, completa.

Segundo ele, as peculiaridades dentro de uma obra religiosas são inúmeras. Por esse motivo, uma grande equipe de arquitetos e projetistas trabalham de diversos lugares do mundo para realizar essa obra. “Temos pessoas até de Portugal. A gente se reuniu muitas vezes. Fui à Goiânia muitas vezes e agora virtualmente. Dá pra trabalhar à distância, sem problema e isso está fluindo muito bem”, diz

O arquiteto se sente lisonjeado em fazer parte de uma obra dessa magnitude e diz que isso está fazendo a diferença em sua vida. “Pessoalmente estou muito envolvido com esse projeto. O projeto para uma igreja é de uso comum. Nesse sentido, tem uma complexidade maior de atender uma necessidade em grupo e que vive ali um momento de extrema importância, pois as pessoas se reúnem para rezar, celebrar, dedico uma energia muito grande considerando a importância”, finaliza.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS



Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno