Notícias

Caminhada pela Paz mobiliza instituições de Trindade

Grupo percorrerá principais ruas da cidade, no próximo domingo, 4, pedindo mais amor na sociedade.

DESTAQUE_FINAL_DE_SEMANA_2015_09_27_001A violência é um tema recorrente na sociedade, mas ainda pouco discutido. No lar, na escola, na rua e até em ambientes de lazer as pessoas são vítimas de agressão. Por isso a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) proclamou 2015 como o Ano da Paz. Trata-se de um período de reflexões, orações e ações sociais, que se estenderá até o Natal.

Entre as atividades propostas, está a Caminhada pela Paz. Em Trindade, ela será realizada neste domingo, 4, durante a festa de São Francisco de Assis, assim como sugerido pela CNBB. A concentração e saída ocorrerá na Vila São Cottolengo, a partir das 8h, e a chegada e celebração no Santuário Basílica, às 10h. A comitiva passará pelas principais ruas da cidade conclamando a paz.

A intenção da Igreja no Brasil é que todas as comunidades e pessoas de bem participem da caminhada, demonstrando que a paz é possível. A ação está prevista para ocorrer nas principais arquidioceses, dioceses e prelazias do País. O evento é aberto para todos os públicos, independentemente da idade, condição física ou social. Em Trindade, a expectativa de público é superior a 500 pessoas.

Mobilização

Escolas municipais, estaduais e particulares, faculdades, entidades de classe e famílias vítimas de violência foram convidadas a participar desse momento pela paz. A Vila São Cottolengo, a coordenação das Obras Sociais Redentoristas, o Santuário Basílica, a Paróquia de Trindade e o Centro Social Pai Eterno estão à frente do movimento na cidade. A Prefeitura Municipal, a Afipe, o Corpo de Bombeiros, as Polícias Militar e Civil são parceiras da Caminhada.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

Faça parte desta família

Baixe o aplicativo Pai Eterno


Google Play
App Store
© Copyright, Afipe - Associação Filhos do Pai Eterno