Catequese

Setembro é o Mês da Bíblia

Igreja do Brasil convida cristãos a refletirem sobre a Palavra de Deus. Neste ano, o destaque é para o Evangelho de São João

Em setembro, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) convida os cristãos a refletirem sobre a Palavra de Deus. De acordo com o reitor do Santuário Sagrada Família, em Goiânia (GO), Pe. Rodrigo de Castro, afirma que todos os meses tem uma importância grande dentro da Igreja, e em setembro a graça é celebrar a Bíblia. “Escolheram este mês por ser o mês do grande São Jerônimo, que nós celebramos no ápice do mês de setembro, no último dia. Quem foi São Jerônimo? Ele é o tradutor da Palavra de Deus, aquele que preparou para nós a Bíblia que hoje nós temos. Ele conseguiu traduzir toda a Bíblia, toda a Palavra de Deus para que, de fato, hoje, nós podemos ter a Palavra de Deus em nossas mãos. Não é verdade que as pessoas tinham acesso à Palavra de Deus, ela não estava nas mãos de todos os devotos e devotas, ela estava nas mãos apenas dos religiosos”, destaca.

Pe. Rodrigo destaca uma curiosidade: “Uma coisa interessante, é que o terço é uma contemplação da Palavra de Deus a cada mistério, justamente porque o povo não tinha acesso à Palavra de Deus. Somente os consagrados tinham acesso. Se rezava a oração dos Salmos, então quando nós temos a graça de receber o terço nas mãos do povo, o povo começa a rezar o terço para contemplar, por isso em cada mistério contemplamos a Palavra de Deus. São Jerônimo fez com que essa graça pudesse hoje ser assim tão alcançada, visível. Todos os povos tem a graça de ter acesso à Palavra de Deus e São Jerônimo é este grande ícone, por nos ter dado esta dádiva, por isso hoje, estando neste mês de setembro, a Igreja do Brasil celebra e reflete sobre a Palavra de Deus na nossa vida”, comentou.

Especialmente neste ano, a Igreja convida a contemplar um pouco mais a Primeira Carta de São João. “A cada ano, a Igreja no Brasil prepara a comissão de Liturgia, que cuida dos textos bíblicos, porque esses textos têm toda uma autenticidade, um acompanhamento e diligência da Igreja para que a Palavra de Deus não se perca. Então, a cada mês, a cada ano, a Igreja nos convida a estar refletindo um dos livros da Bíblia. E, em 2019, estamos refletindo sobre a primeira carta de São João Evangelista, aquele que escreveu o Evangelho de São João, as cartas de São João e também o Apocalipse. São João nos deu esse grande dom para a vida da Igreja”, ressaltou.

De acordo com o padre, a Bíblia serve como alimento da alma para todos os cristãos.  “A Bíblia é por excelência os dois pêndulos, a mesa da Palavra e a mesa da Eucaristia. Para participarmos da mesa da Eucaristia, nós temos a grande graça, o grande dom que é  Palavra de Deus, para podermos viver uma vida intima com Cristo, nós temos um manual, a Palavra de Deus, o alimento da alma, que nos chama atenção, da sentido a nossa vida como um grande manual para vivermos bem com a vida que Deus nos concedeu”, concluiu.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS











Newsletter