Notícias

Honrar pai e mãe: um caminho que garante a harmonia familiar

No quarto mandamento Deus mostra aos filhos que devem honrar seus pais, àqueles que os deram a vida.

Biblia_destaque“Filhos, obedecei a vossos pais segundo o Senhor; porque isto é justo. O primeiro mandamento, acompanhado de uma promessa, é: Honra teu pai e tua mãe, para que sejas feliz e tenhas longa vida sobre a terra” (Ef 6,1-3). O quarto mandamento é dirigido diretamente aos filhos e sua relação com os pais. É quando Deus mostra que, depois de Si, devemos honrar àqueles que nos deram a vida.

Para o Missionário Redentorista padre Wenderson Silva Fernandes, honrar pai e mãe está dentro da perspectiva de valorizar e reconhecer a nossa origem. “É o mesmo que respeitar, cuidar e amar. Assumir uma postura de respeito e cuidado para com os pais, revela o reconhecimento e apreço dos filhos para com seus genitores”, explica.

Leia também:

Segundo o religioso, o ensinamento bíblico evidencia a necessidade fundamental desse amor como uma expressão de caridade que vai além da obrigação legal: “O aprender a honrar, respeitar e amar pai e mãe prepara os filhos para também estenderem as boas atitudes de filhos fiéis aos demais círculos de convivência e pessoas”.

É na família que se constrói a experiência e o núcleo de aprendizado para viver bem com Deus e os seus semelhantes. De acordo com o Catecismo da Igreja Católica (CIC 2199), o quarto mandamento está ligado também às relações de parentesco com os membros do grupo familiar. Isso significa honrar, ter afeição e reconhecer avós e antepassados.

Padre Wenderson Silva relembra que, desde o princípio, ao criar o ser humano à sua imagem e semelhança, Deus plantou no coração de ambos o ministério do amor conjugal. “A família é assim, epifania do mistério de unidade e comunhão de Deus. É expressão através do carinho, cuidado e respeito que os membros têm uns pelos outros, anúncio do modo do Pai Eterno ser e agir com seus filhos e filhas”, define.

Deveres da família

Cuidado, amor, respeito e diálogo. Estas são algumas atitudes que devem ser cultivadas na base de uma estrutura familiar. “Os pais devem ter no coração e na mente a promoção dos filhos, educando-os para o bem com os mesmos valores que regem a suas vidas. Os filhos por sua vez, devem, no acolhimento generoso e obediente, seguir o caminho reto e a palavra verdadeira dos pais que os ajudam a discernir o melhor e mais saudável jeito de viver em família e fora dela”, explica Pe. Wenderson Silva.

Traçar uma educação baseada na fé cristã é também um dever dos pais. Para o Missionário Redentorista, a educação dos filhos deve seguir, além dessas orientações, a doutrina da Igreja. “Ensinando os filhos como primeiros educadores, os pais devem favorecer o acesso ao conhecimento da fé da Igreja, preparando-os para viver com as demais pessoas na vida em sociedade”, conclui.

A família no caminho certo

A Igreja ensina que é no amor, no respeito de cada um no seio de sua família, no cuidado de um filho com o pai e de uma mãe com seu filho, que uma família vai se construindo e se consolidando como tal. Honrar pai e mãe estabelece a unidade e a identidade da família como célula mãe da sociedade. “O quarto mandamento é o caminho seguro que salva e garante a harmonia familiar e favorece igualmente o equilíbrio social”, ensina Pe. Wenderson Silva.

Assim como cita o Catecismo, o cristão que cumpre esse mandamento está sujeito a uma recompensa. É o que nos diz o livro de Êxodo: “Honra teu pai e tua mãe, para que teus dias se prolonguem sobre a terra que te dá o Senhor, teu Deus” (Ex 20,12).

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store