Notícias

“Sem o Pai Eterno eu não sou ninguém!”, diz devoto

Conheça a história de vida, superação e bênçãos de José de Freitas Neto, mais conhecido como Ceary.

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_OUTRA_2_TXT_01_08_14O amor e a fé no Divino Pai Eterno já transformaram e transformam destinos e vidas. A história do aposentado José de Freitas Neto, mais conhecido como Ceary, é um exemplo e foi destaque no quadro Em Nome da Vida exibido no Programa Pai Eterno desta sexta-feira, 1º de agosto. (Assista ao vídeo abaixo)

Dos tempos de criança, Ceary ainda traz na lembrança às idas a Trindade. “O transporte era só de carro de boi, até porque existiam poucos caminhões, para não falar que não existiam ônibus”, lembra.

A devoção no Divino Pai Eterno começou em 1939. De lá pra cá já são mais de 70 anos participando da Romaria. O devoto contou que as orações são diárias e que a fé que se renova a cada dia: “Para mim o Pai Eterno é tudo. Sem Ele eu não sou ninguém. Quando eu vou deitar, eu converso com Ele, quando eu levanto e nas minhas horas apuro também”.

Na vida da família, muitos milagres já aconteceram. Bênçãos que vieram através de pedidos feitos com muita fé e amor ao Pai.“Eu tenho 25 cirurgia, quatro pontes de safena, uma mamária, nove hérnias, no esôfago e assim por diante. Eu tenho tanta fé com o Pai Eterno, e hoje que cumprir, até o fim da vida eu não quero nada a não ser as graças do Divino Pai Eterno”, contou Ceary.

Veja também: 

DESTAQUE_EM_NOME_DA_VIDA_OUTRA_TXT_01_08_14Ao lado do Pai, os dias são especiais. Devoção que só aumenta e faz com que ele e a esposa, Siomara Ribeiro de Freitas, se sintam sempre protegidos. No Divino Pai Eterno eles encontram paz e conforto para as dificuldades.

Agradecida, Siomara lembrou um momento difícil vivido pelo casal, que recebeu, mais uma vez, as bênçãos do Pai Eterno: “Um boi pegou ele no curral e machucou bastante, assim que ele conseguiu notar o que estava acontecendo, ele já pensou no Pai Eterno. Aí se levantou, foi para o hospital, muito machucado, mas agora está bem, está ótimo, graças a Deus”.

Por tanto pedido atendido, o casal decidiu se mudar para Trindade (GO). Há cinco meses eles saíram do município de Silvânia, interior goiano, para ficar ainda mais perto do Pai. “Achamos por bem aproximar mais de Trindade especialmente por causa do Divino Pai Eterno”, disse ele.

Além da dedicação e devoção ao Divino Pai Eterno, Ceary faz parte do grupo de Folia de Reis. Já são 60 anos de participação. No quarto ele guarda a bandeira, um dos símbolos da Folia, que veio de Roma há dois anos. “Eu comecei na Folia dia 24 de dezembro de 1945”, contou.

Tradição e fé que aprendeu desde pequeno com os pais e avós. O orgulho hoje é de ver as filhas seguindo os mesmos ensinamentos. “Tenho só que agradecer a emoção por criar uma família que dá valor neste pai aqui, e também no Divino Pai Eterno”.

O Programa Pai Eterno vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 7h45, com reapresentação às 10h45. Você pode acompanhar todas as edições pelo Canal Pai Eterno, no YouTube, e também assistir pelo portal paieterno.com.br, na página do Programa Pai Eterno.


Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno

MATÉRIAS RELACIONADAS






Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store