Notícias

Turismo religioso em Trindade (GO) cresce a cada dia

A cidade recebe milhões de pessoas durante o ano, a maioria deles durante a Tradicional Festa do Divino Pai Eterno.

O turismo religioso no Brasil movimenta em torno de 15 bilhões de reais anualmente. Os dados são de departamento de estudos e pesquisa do Ministério do Turismo, que mostram também que quase 18 milhões de viajantes escolhem como roteiros cidades com pontos turísticos voltados a religiosidade. São mais de 340 municípios que promovem eventos que envolvem a fé e geram uma fonte de desenvolvimento econômico e cultural para a comunidade local.

Em Goiás, existem dezenas de eventos religiosos consolidados, que possuem grande potencial político, o que aquece e economia, gera emprego e abre portas para o empreendedorismo. Entre os diversos pontos de parada está Trindade (GO), conhecida também como a Capital da Fé de Goiás. A cidade recebe milhões de pessoas durante todo o ano, a maioria deles durante a Tradicional Festa do Divino Pai Eterno.

“Primeiramente, o turismo religioso é a grande máxima de Trindade. Eu venho percebendo isso ao longo de três anos, que temos feito algumas pesquisas, tanto na Festa de Trindade, como no Festival Gastronômico. Recentemente fizemos a pesquisa censitária dos hotéis e meios de hospedagem de Trindade e percebemos que houve uma modificação muito grande na cidade. Comércio, atrativos e restaurantes. É uma cidade que tem muitas coisas interessantes para o turista”, ressaltou a coordenadora do Observatório do Turismo do Estado de Goiás, Giovanna Tavares.

A Capital da Fé de Goiás é o segundo ponto religioso turístico mais procurado do Brasil. Ao longo de todo o ano, milhões de pessoas visitam o Município em busca das origens da devoção ao Divino Pai Eterno. Romeiros de todos os cantos do país chegam todos os dias e, principalmente, nos fins de semana.

“Todos os fatores comungam para que as pessoas vão a Trindade. Hoje ela é a referência no Estado. Nós também fizemos pesquisa em Muquém, mas é diferente, pois o fluxo é somente no período da Festa. Trindade, não, ela tem programações e as pessoas se deslocam para a cidade para assistir às missas e acabam tendo que se alimentar, abastecer o carro, se hospedar. Trindade recebe muitos grupos de fora, Minas, São Paulo, Rio de Janeiro, e essas pessoas vem com guia para ficar três dias em média. Isso mostra que a cidade está gerando um fluxo interessante, que pode melhorar sempre”, afirmou a coordenadora.

Com mais de 125 mil habitantes, Trindade possui, hoje, quase duas mil unidades habitacionais e mais de quatro mil leitos. São 83 hotéis com vagas disponíveis para os romeiros, que buscam nos braços do Pai ter suas graças alcançadas. “No comércio, não perde para Goiânia, tem bons restaurantes, pois fizemos uma varredura na cidade e ficamos bem encantados com Trindade. Tem muitas casas, condomínios fechados, as pessoas investem nas edificações da cidade. Andamos rua por rua e ficamos impressionados com isso”, comentou Giovanna.

Em época de Romaria, isso se intensifica. O período muda completamente o cotidiano da cidade. A Festa do Divino Pai Eterno é atualmente considerada o maior evento religioso do Centro-Oeste e é a maior Festa do mundo dedicada ao Pai Eterno. É expressivo o aumento da procura por pousadas, restaurantes, produtos religiosos e outros serviços. Os romeiros garantem cem por cento de ocupação dos leitos disponíveis nas redes hoteleiras e até das casas que os moradores locais disponibilizam para alugar.

“No período da Festa, isso é inevitável. Fazemos a pesquisa no ponto que a OVG tem na rodovia e nós percebemos um fluxo enorme. Trabalhamos dez dias, entrevistamos mais de 500 pessoas, e ficamos fascinados com os romeiros, com o amor que eles têm pela cidade, e vão tranquilamente a pé, claro que se cansam, mas elas têm a devoção como máxima”, pontuou Giovanna.

O turismo religioso em Trindade sempre trouxe um desenvolvimento econômico social. Para os empresários, receber os filhos e filhas do Pai Eterno é uma grande oportunidade de aumentar as vendas e melhorar a economia da região. “A movimentação é maior no fim de semana, quanto tem bastante turista. Eles sempre vêm querendo uma lembrancinha, algum presente para levar par algum parente, amigos”, disse o comerciante João de Souza Filho.

Para Jeully Vieira Paula, comerciante também, o comércio está se expandindo cada vez mais e quem visita a cidade, sempre leva alguma coisa para casa. “Temos boa parte dos comércios voltada justamente para o turismo religioso, as pousadas, os hotéis, restaurantes”.

Deixe o seu Comentário


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site, e podem passar por moderação.

TV Pai Eterno




Baixe o aplicativo Pai Eterno

Google Play
App Store